Depois de adicionar uma ou mais imagens, você pode criar um Pool.

Pré-requisitos

  • O registro de domínio está concluído.
  • O Microsoft Entra ID Connect está concluído.
  • O Horizon Edge foi criado com êxito e o Edge Gateway e o UAG estão no estado Pronto.
  • VDI/Imagem de várias sessões publicada com êxito.
  • Ao excluir um pool ou uma VM do Microsoft Entra ID, a entidade de serviço deve ter permissões para excluir a entrada do dispositivo do Microsoft Entra ID.

    As permissões são das seguintes:

    Scope: https://graph.microsoft.com/

    Permission : Device.ReadWrite.All

    Read and write devices

    Admin Consent : Yes

    A permissão pode ser dada navegando até o seguinte local:

    Assinatura -> Azure Active Directory -> Registros de Aplicativo -> Selecione o aplicativo que a permissão precisa ser dada -> permissão de API -> Selecione Microsoft GRAPH -> Select Device.ReadWriteAll

Procedimento

  1. Na página Início, clique no bloco Pools para navegar até a página Pools.
  2. Clique em Adicionar > Microsoft Azure para navegar até a página Adicionar Pool.
  3. Na página Adicionar Pool, adicione um nome exclusivo para o pool no campo Nome do Pool e, opcionalmente, adicione uma Descrição.
  4. Selecione um pool em Dedicado de sessão única para a experiência de área de trabalho VDI persistente que é mapeada para um único usuário, Flutuante de sessão única para uma experiência de área de trabalho VDI não persistente que vários usuários podem usar em momentos diferentes que são redefinidos após cada sessão de usuário e Várias sessões para áreas de trabalho e aplicativos publicados com base em sessão
  5. Na seção Áreas de Trabalho, para a subseção Destino, selecione os valores para as opções Site, Horizon Edge e Provedor.
  6. Também na subseção Destino, se quiser usar zonas de disponibilidade do Azure, ative a opção Usar zonas de disponibilidade do Azure.
    As zonas de disponibilidade do Azure são um recurso de alta disponibilidade disponível com o Microsoft Azure. Quando você seleciona Usar zonas de disponibilidade do Azure, as VMs de um pool são distribuídas em todas as zonas de disponibilidade para evitar o tempo de inatividade de todas as VMs no pool se ocorrer uma falha em determinada zona de disponibilidade do Azure.
    Observação: Para obter informações sobre as limitações do suporte à zona de disponibilidade do Azure, consulte a documentação da Microsoft a seguir.
  7. Na subseção Imagem, selecione uma opção de Tipo de geração e uma opção de Imagem para esse pool.
    Observação:
    • Há suporte para imagens com VMs da geração 1 e 2 do Microsoft Azure.
    • Se você selecionar V1, só poderão ser selecionadas imagens com uma VM da geração 1 do Microsoft Azure e modelos que oferecem suporte à geração 1.
    • Sua seleção para o Tipo de geração atua como um filtro para determinar quais imagens são listadas no menu suspenso Imagem e quais modelos são listados no menu suspenso Modelo.
  8. Selecione o Marcador da imagem selecionada.
    Você precisa adicionar um ou mais marcadores para editar posteriormente os pools de uma versão de imagem. Adicione os marcadores se eles não foram adicionados anteriormente à versão da imagem. Para obter mais informações, consulte Adicionar versão a uma imagem existente da Galeria de Computação do Microsoft Azure.
    Observação: Se um marcador associado a uma versão mais antiga do agente for selecionado, uma mensagem de aviso será exibida. Como boa prática, selecione um marcador com a versão mais recente do agente.
  9. Deslize o botão de alternância ao lado de Você tem uma licença válida para este SO Windows para confirmar que tem licenças do Windows elegíveis com o Software Assurance ou a assinatura do Windows Server para aplicar esse Benefício Híbrido do Azure e marque a caixa de seleção.
  10. Na subseção Detalhes da VM, selecione os valores para as opções Modelo de Filtro, Modelo, Tipo de disco, Tamanho de disco e Criptografar Discos para o pool.
    Observação: Para a configuração Modelo, consulte Tipos e tamanhos de VM do Microsoft Azure para Horizon Cloud Service - next-gen (89090) para saber mais sobre a compatibilidade de diferentes tipos e tamanhos de VM do Microsoft Azure com o VMware Horizon Cloud Service - next-gen.
    • Você pode usar as configurações de Filtrar Modelo para reduzir o número de opções de modelo de VM do Microsoft Azure listadas quando você define a configuração de Modelo. A lista reduzida inclui um subconjunto de modelos com base em seus requisitos específicos.

      Você pode filtrar a lista de modelos de VM do Microsoft Azure por Tag, Série, Tipo de GPU e Tipo de Disco. Clique em + para adicionar outros filtros, o que pode refinar ainda mais a lista com cada filtro.

      Etiqueta é igual a
      • Recomendado pela VMware consiste nos modelos de VM do Microsoft Azure que funcionam particularmente bem para pools.
      • Alto Desempenho são os modelos de VM do Microsoft Azure que oferecem suporte a disco premium.
      Série é igual a Use o menu suspenso para visualizar uma lista das diferentes séries de VM do Microsoft Azure.

      Selecione a série que atender melhor às suas necessidades.

      Tipo de GPU é igual a Você pode usar o filtro Tipo de GPU para selecionar um modelo de VM do Microsoft Azure ativado para GPU.
      • NENHUM filtra modelos ativados para GPU da lista.
      • AMD inclui apenas modelos ativados para GPU AMD na lista.
      • NVIDIA inclui apenas modelos ativados para GPU NVIDIA na lista.
      Tipo de Disco é igual a Você pode usar o filtro Tipo de Disco para selecionar Premium, que fornece suporte a disco premium.
    • Selecione um tipo de Modelo de VM do Microsoft Azure a ser usado para o pool ou aceite o padrão.
      1. Para aceitar um modelo padrão, aceite o padrão listado ou use o menu suspenso para selecionar outro modelo padrão.
      2. Para selecionar um modelo diferente, clique no X, clique no menu suspenso e selecione um modelo.

        Se você não tiver usado a configuração Filtrar Modelo, a lista de modelos será muito longa. Se você não tiver a configuração Filtrar Modelo, a lista provavelmente será mais manuseável.

    • Você pode selecionar um valor de Tipo de disco com base no modelo de VM selecionado e na assinatura e na região do Microsoft Azure.
    • Você pode alterar o valor de Tamanho de disco de 127 para 4095 GB. O valor padrão de Tamanho de disco é 127.
    • Se você quiser criptografar discos para todas as VMs nesse pool, deslize a opção para Criptografar Discos.
  11. Na subseção Identidade da Máquina (Domínio), selecione Identidade da Máquina para o seu pool em Azure Active Directory ou Active Directory local. Opcionalmente, você pode adicionar um valor para o campo UO do Computador. A opção UO do Computador será desativada se você selecionar Azure Active Directory como a Identidade da Máquina.
    Você deverá configurar o RBAC no Azure Active Directory se for usado como Identidade da Máquina para que apenas os usuários ou grupos de usuários que tenham a função Login de Administrador da Máquina Virtual ou Login de Usuário da Máquina Virtual possam fazer login em seus direitos.
    Observação: Todos os dispositivos Windows 11 e Windows 10 são compatíveis, exceto as edições Home do Windows Server 2019 e as máquinas virtuais mais recentes em execução no Azure (o núcleo do servidor não é compatível).
    Quando você configura o RBAC no nível do grupo de recursos, para ajudar a identificar os grupos de recursos associados aos pools ingressados no Azure Active Directory, as seguintes tags para o grupo de recursos estão disponíveis:
    • pool-name: indica o nome do pool inserido ao criar o pool
    • add-joined: se estiver definido com true, isso indicará que as VMs do pool são máquinas associadas ao Microsoft Entra ID
  12. Na subseção Provisionamento, selecione se deseja Provisionar VMs, Sob Demanda ou Todas de uma só vez.
  13. Na subseção Propriedades, adicione um Prefixo do Nome da VM para as VMs.
  14. Adicione um Nome de usuário do administrador da área de trabalho e a Senha do administrador da área de trabalho à conta de administrador local usada para acessar o sistema operacional da imagem e para uso durante o processo de conversão da imagem.
  15. Você poderá deslizar a alternância ao lado Usar proxy de saída se quiser rotear solicitações de saída para a Internet por meio de um servidor proxy. Clique em Avançar.
  16. Na subseção Redes, selecione as redes virtuais e as sub-redes do tenant (área de trabalho).
    Por padrão, as áreas de trabalho virtuais usam endereços IPv4. Se quiser que a máquina virtual use endereços IPv4 e IPv6, ative a opção Ativar o suporte de pilha dupla e selecione sub-redes configuradas como pilha dupla.
    Observação: Quando você ativa a opção de pilha dupla, apenas as sub-redes configuradas como pilha dupla são listadas.
  17. Na subseção VMware Dynamic Environment Manager, opcionalmente, você pode selecionar uma configuração de VMware Dynamic Environment Manager para esse pool.
  18. Clique em ADICIONAR AO GRUPO DE POOLS para adicionar esse pool a um grupo de pools novo ou existente ou clique em CONCLUIR para navegar até a página Pools.
    O tipo de Grupo de Pools será selecionado automaticamente com base no Pool. Para obter mais informações sobre ADICIONAR AO GRUPO DE POOLS, consulte Criar um grupo de pools de sessão única ou Criar um grupo de pools de várias sessões.
    Na página Pools, você pode selecionar um pool para EDITAR ou EXCLUIR. Você também pode selecionar um pool e adicioná-lo a um grupo de pools clicando em ADICIONAR AO GRUPO DE POOLS, caso um pool não tenha um grupo de pools associado.

O que Fazer Depois

Crie um grupo de pools.