Se você concluiu um upgrade ou se houve falha em um upgrade, é possível reverter seu ambiente à versão anterior.

As etapas a seguir mostram como realizar uma reversão manual. Esse procedimento apenas é necessário em caso de falha na reversão automatizada.

Observação: Há problemas conhecidos relacionados a esse procedimento. Consulte a seção Problemas conhecidos das notas da versão para obter mais informações.

Procedimento

  1. Reverta os dispositivos do provedor de serviços (service provider, SP).
    1. Desligue todos os dispositivos que executam a nova versão (dispositivos "verdes").
    2. Ligue todos os dispositivos que executam a versão antiga (dispositivos "azuis").
    3. Redefina o banco de dados nos dois dispositivos.
      • Se os dispositivos "azuis" do SP tiverem a versão 8.0.1, execute os seguintes comandos como raiz nos dois dispositivos:
        DB_NAME='fdb'; PGPASSWORD=$(sed -n 1p /root/.pgpass | cut -d: -f5)  psql -U admin ${DB_NAME} -c "BEGIN;SET TRANSACTION read write; ALTER DATABASE ${DB_NAME} SET default_transaction_read_only='off'; COMMIT;"
        service dtService restart
      • Se os dispositivos "azuis" do SP tiverem a versão 18.1 ou mais recente, execute o seguinte comando como raiz nos dois dispositivos:
        /usr/local/desktone/scripts/reset_db_access_mode.sh 1000 'restart'
  2. Reverta os dispositivos do administrador de recursos (resource manager, RM).
    1. Desligue todos os dispositivos que executam a nova versão (dispositivos "verdes").
    2. Ligue todos os dispositivos que executam a versão antiga (dispositivos "azuis").
  3. Reverta os dispositivos do tenant (TA) e do gerenciador da área de trabalho (desktop manager, DM).
    1. Desligue todos os dispositivos que executam a nova versão (dispositivos "verdes").
    2. Ligue todos os dispositivos que executam a versão antiga (dispositivos "azuis").
    3. Redefina o banco de dados nos dispositivos.
      • Se os dispositivos "azuis" do SP tiverem a versão 8.0.1, execute o seguinte comando como raiz em todos os dispositivos do TA e do DM. Faça a execução uma vez em cada banco de dados, substituindo XXX pelo nome do banco de dados (fdb, edb e avdb nos dispositivos do TA, edb e avdb nos dispositivos do DM).
        DB_NAME='XXX'; PGPASSWORD=$(sed -n 1p /root/.pgpass | cut -d: -f5) psql -U admin ${DB_NAME} -c "BEGIN;SET TRANSACTION read write; ALTER DATABASE ${DB_NAME} SET default_transaction_read_only='off'; COMMIT;"
      • Se os dispositivos "azuis" do SP tiverem a versão 18.1 ou mais recente, execute o seguinte comando como raiz no dispositivo do SP principal com o OrgId adequado do tenant:
        /usr/local/desktone/scripts/reset_db_access_mode.sh 'TENANT_ORG_ID'
    4. Restaure o IP eth1 do dispositivo "azul" executando o seguinte comando como raiz no dispositivo do SP principal. Faça a execução uma vez em cada dispositivo do TA ou do DM, substituindo BACKBONE_IP pelo backbone IP do dispositivo.
      BLUE_APPLIANCE_ETH1='BACKBONE_IP'; export PGPASSWORD=$(sed -n 1p /root/.pgpass | cut -d: -f5); BLUE_APPLIANCE_ID=$(psql -U admin fdb -t --no-align -c "select appliance_id from network_interface where ip_address='${BLUE_APPLIANCE_ETH1}'"); psql -U admin fdb -c "WITH NIC_IDS AS  (select id from network_interface where adapter_name IN  ('eth1', 'standby') and appliance_id= '${BLUE_APPLIANCE_ID}') UPDATE network_interface SET adapter_name=(CASE ip_address WHEN '${BLUE_APPLIANCE_ETH1}' THEN 'eth1' ELSE 'standby' END) WHERE id IN (SELECT id from NIC_IDS)"
    5. Restaure a versão da plataforma e do manifesto referente à organização do tenant executando o seguinte comando como raiz no dispositivo do SP principal com os valores adequados para TENANT_ORG_ID, BLUE_PLATFORM_VERSION e BLUE_MANIFEST_VERSION.
      • Se os dispositivos "azuis" do SP tiverem a versão 8.0.1, execute o seguinte comando:
        TENANT_ORG_ID='XXXX' BLUE_PLATFORM_VERSION=‘X.X.X'; PGPASSWORD=$(sed -n 1p /root/.pgpass | cut -d: -f5) psql -U admin fdb -c "UPDATE appliance SET version='${BLUE_PLATFORM_VERSION}' WHERE org_id=${TENANT_ORG_ID}"
      • Se os dispositivos "azuis" do SP não tiverem a versão 8.0.1, execute o seguinte comando:
        TENANT_ORG_ID='XXXX' BLUE_PLATFORM_VERSION=‘X.X.X' BLUE_MANIFEST_VERSION='X.X.X.XXXX.X'; PGPASSWORD=$(sed -n 1p /root/.pgpass | cut -d: -f5) psql -U admin fdb -c "UPDATE appliance SET version='${BLUE_PLATFORM_VERSION}', manifest_version='${BLUE_MANIFEST_VERSION}' WHERE org_id=${TENANT_ORG_ID}”
    6. Se o console do App Volumes Manager estava ativado antes do upgrade, ative-o novamente executando o seguinte comando como raiz no dispositivo do SP principal com o valor adequado para ORG_ID.
      PGPASSWORD=$(sed -n 1p /root/.pgpass | cut -d: -f5) psql -U admin fdb -c "UPDATE organization SET avmui_enabled='t' where id='ORG_ID’"
    7. Execute o comando a seguir em cada dispositivos do TA e do DM para reiniciar o dtService.
      service dtService restart