Você pode configurar o VMware Identity Manager Connector para alta disponibilidade adicionando várias instâncias do conector a um cluster. Se uma das instâncias do conector se tornar indisponível por qualquer motivo, outras instâncias ainda estarão disponíveis.

Para criar um cluster, instale novas instâncias de conector e configure-as exatamente da mesma maneira que você configurou o primeiro conector.

Sendo assim, você associa todas as instâncias do conector ao provedor de identidade integrado. O serviço do VMware Identity Manager distribui automaticamente o tráfego entre todos os conectores associados com o provedor de identidade integrado. Não é necessário ter um balanceador de carga. Caso um dos conectores fique indisponível devido a um problema na rede, por exemplo, o serviço não direciona o tráfego para ele. Quando a conectividade é restaurada, o serviço é retomado enviando o tráfego ao conector.

Depois de configurar o cluster do conector e associar todos os conectores ao Provedor de identidade integrado, os métodos de autenticação habilitados no conector são altamente disponíveis. Caso uma das instâncias do conector esteja indisponível, a autenticação ainda estará disponível.

Para configurar a alta disponibilidade para a sincronização de diretório, associe todas as instâncias do conector ao diretório e configure uma lista de Conectores de Sincronização para o diretório. Os conectores na lista de Conectores de Sincronização são organizados na ordem de failover. O serviço do VMware Identity Manager usa o primeiro conector na lista para sincronização de diretório. Se o primeiro conector estiver indisponível, ele usará o segundo conector e assim por diante. A lista de Conectores de Sincronização é definida por diretório na página Configurações de Sincronização do diretório.

Observação:

Esta seção não se aplica à alta disponibilidade da autenticação Kerberos. Consulte Como adicionar suporte à autenticação Kerberos à sua implantação do VMware Identity Manager Connector.