Os administradores podem inscrever dispositivos em nome dos usuários em um processo chamado validação de dispositivo. A validação de dispositivos serve para simplificar o processo de registro e para inscrever dispositivos iOS compartilhado por vários usuários. Você também pode validar dispositivos para provisionar uma frota de dispositivos inteira rapidamente com o Apple Configurator.

Consideração 1: Uso de validação do dispositivo

A menos que estejam usando o Apple Configurator, os administradores devem validar os dispositivos individualmente. Para grandes implementações, considere o tempo e o pessoal exigidos para a tarefa.

Embora administradores possam preparar novos dispositivos facilmente, os funcionários que já usam dispositivos da empresa devem enviar os dispositivos ou coletá-los no local para que eles sejam preparados.

Se você tiver milhares de dispositivos para fazer a pré-inscrição, a validação de dispositivos pode levar tempo. Portanto, é melhor realizá-la quando um novo lote de dispositivos é provisionado. Assim, você tem acesso aos dispositivos antes de os funcionários os receberem.

A validação de dispositivo pode ser realizada em dispositivos Android e iOS das seguintes formas.

  • Usuário único (Padrão) – Utilizado quando você está validando um dispositivo que qualquer usuário pode inscrever.
    Observação: Conforme indicado, esse fluxo de inscrição é destinado a dispositivos autônomos. Se estiver usando esse fluxo para inscrição de usuários sem necessidade de intervenção, você será responsável por garantir que os dispositivos preparados sejam entregues ao usuário pretendido.
  • Usuário único (Avançada) – Utilizada quando você está preparando e inscrevendo um dispositivo para um usuário em particular.
    Observação: O usuário/administrador de validação deve garantir que haja o check-out do dispositivo para o usuário registrado.
  • Múltiplos usuários – Utilizada quando você está preparando um dispositivo cujo uso será compartilhado por vários usuários.

Consideração 2: Você está participando do programa de inscrição de dispositivos da Apple?

Para maximizar os benefícios dos dispositivos Apple inscritos no programa de Gerenciamento de dispositivos móveis (MDM), a Apple introduziu o Programa de registro de dispositivo (DEP). Com o DEP, você pode fazer as ações a seguir.

  • Instale um perfil não removível de MDM em um dispositivo para impedir que os usuários consigam removê-lo.
  • Provisione dispositivos no modo Supervisionado (apenas iOS). Dispositivos no modo Supervisionado podem acessar definições adicionais de segurança e configuração.
  • Exija a inscrição de todos os usuários.
  • Atenda às necessidades da sua organização personalizando e agilizando o processo de inscrição.
  • Evite o backup do iCloud impedindo que os usuários façam login com o ID Apple ao gerar um perfil DEP.
  • Exija atualizações do SO para todos os usuários.

Para obter mais informações, consulte o portal da Apple Portal de suporte de negócios ou o Guia do Programa de registro de dispositivos da Apple ou entre em contato com o representante da Apple.

Consideração 3: Uso do Apple Configurator

O Apple Configurator permite que os administradores de TI implementem e gerenciem dispositivos Apple iOS com eficiência. Organizações como lojas de varejo, salas de aula e hospitais acham especialmente útil fazer a pré-inscrição dos dispositivos para vários usuários compartilharem.

É possível usar o Configurator para inscrever dispositivos dedicados pré-registrados destinados a um único usuário adicionando dados do número de série/IMEI a um dispositivo registrado do usuário no console. Um grande benefício do Apple Configurator é que você pode usar um hub USB ou carrinho de dispositivo iOS para provisionar vários dispositivos em minutos.

Consideração 4: Uso da inscrição direta do Workspace ONE

Não há suporte para a preparação de dispositivos por meio da inscrição direta do Workspace ONE. Se você precisa preparar um dispositivo, para um ou vários usuários, será preciso inscrever o dispositivo usando o Workspace ONE Intelligent Hub em vez da inscrição direta do Workspace ONE.

Para obter mais informações, consulte Inscrição direta do Workspace ONE.

Consideração 5: Validação ou registro de usuário único?

Se você estiver considerando validar dispositivos para um único usuário, o registro pode ser preferível. A diferença entre validar um único usuário e registrar um dispositivo é sutil, mas importante.

Registro – quando você registra um dispositivo, você faz isso para um usuário individual, denominado. Esse procedimento significa que o dispositivo espera que o primeiro usuário que faz login seja o mesmo usuário ao qual ele foi registrado. Se outro usuário tentar efetuar login em um dispositivo registrado, a premissa de segurança determina que o dispositivo está bloqueado e não pode ser inscrito.

Validação de usuário único – quando você prepara um dispositivo, faz isso para que qualquer usuário qualificado se inscreva no Workspace ONE UEM. Na teoria, você pode entregar um dispositivo validado para qualquer usuário qualificado e ele poderá efetuar login no dispositivo e se inscrever no Workspace ONE UEM com êxito.

O fluxo de trabalho de validação permite que você prepare o dispositivo e, em seguida, inicie o Workspace ONE Intelligent Hub, onde qualquer usuário de inscrição qualificado poderá fazer login. O Workspace ONE UEM executa então uma única reatribuição para associar o dispositivo a esse usuário.