O Application Services registra um provedor de nuvem ao conectar a um grupo de negócios do vRealize Automation.

Um grupo de negócios do vRealize Automation associa usuários a um conjunto de serviços e recursos, muitas vezes correspondentes a um negócio, departamento ou outra unidade organizacional. Cada grupo de negócios ou de provisionamento tem acesso a um ou mais blueprints do vRealize Automation usados para solicitar máquinas. Esses blueprints podem pertencer a um ou mais grupos de negócios. Para solicitar máquinas, um usuário deve pertencer a pelo menos um grupo de negócios. As informações de recursos da máquina no blueprint do vRealize Automation são obtidas do modelo clonado ou clonado vinculado do vSphere.

Pré-requisitos

  • Faça login no Application Services como um administrador de nuvem de aplicativos.
  • Verifique se o vRealize Automation 6.1 ou posterior está instalado e configurado.
  • Verifique se o grupo de negócios do vRealize Automation que você pretende usar com o Application Services está criado e configurado.
  • Verifique se você registrou o Application Services no vRealize Automation utilizando a CLI. Consulte Registrar o Application Services no vRealize Automation.
  • Verifique se pelo menos um blueprint do vRealize Automation está disponível no grupo de provisionamento ou de negócios para conexão do provedor de nuvem do Application Services. Esse blueprint deve apontar para um modelo de máquina virtual que atenda aos requisitos do Application Services. Consulte Requisitos de máquina virtual para criação de modelos personalizados do vRealize Automation.

Procedimento

  1. Na barra de título do Application Services, clique no menu suspenso e selecione Nuvens > Provedores de nuvem.
  2. Clique no ícone Adicionar (Adicionar).
  3. Preencha as informações do provedor de nuvem.
    No caso do vRealize Automation 6.0, quando você registra o Application Services para o vRealize Automation, o nome do host e o nome do grupo de negócios são preenchidos para o usuário conectado.
    Opção Descrição
    Nome e Descrição Inclua o nome do grupo de provisionamento do vRealize Automation em um destes campos. O texto dos campos é exibido no assistente Perfil de implantação, na coluna Provedor de nuvem.
    Tipo de provedor de nuvem vCAC, vCloud e EC2 são os tipos compatíveis.
    IP/Nome do host/URL da infraestrutura do vCAC

    Mostra o endereço IP ou a URL do host para o servidor vRealize Automation registrado. O campo é somente leitura.

    Exemplos de um IP vCAC seguro são: https://192.0.2.115 ou https://192.10.1.113:443.

    Exemplo de uma URL de Nome do Host segura: https://vcac.it.vmware.com.

    Nome de usuário e senha

    Adicione as credenciais de administrador corporativo ao grupo de provisionamento no vRealize Automation.

    O nome de domínio é necessário quando você digita o nome de usuário. Um exemplo de um nome do usuário é myname@mycompany.com.

    Grupo de negócios Selecione um grupo de negócios no menu suspenso Grupo de Negócios. O menu contém os grupos de negócio do usuário conectado.
    Compartilhando Mostra o status Privado do provedor de nuvem. Esse valor é sempre Privado e somente leitura.
  4. Para verificar se os valores digitados estão corretos, clique em Validar conexão.
  5. Clique em Salvar para registrar o provedor de nuvem.
    Se as entradas necessárias para o provedor de nuvem forem inválidas ou estiverem em branco, você será solicitado a corrigi-las.
  6. Para registrar blueprints do vRealize Automation, clique em Editar.
  7. Na seção Modelos, clique em Adicionar.
  8. Marque as caixas de seleção ao lado de um ou mais modelos de nuvem ou blueprints do vRealize Automation na lista e clique em OK.
    Aparecem apenas blueprints globais e blueprints que pertencem ao grupo de negócios selecionado do provedor de nuvem.
    Os templates que você registrou são adicionados à lista de templates de nuvem que é possível escolher ao mapear um template lógico para um template de nuvem.
  9. Para alterar as informações existentes para um provedor de nuvem do vRealize Automation, clique em Editar. Na barra de ferramentas, faça as alterações e clique em Salvar.
  10. Clique em Salvar.
    É recomendável atualizar as informações do modelo de nuvem, o IP da infraestrutura vRealize Automation e o nome do host quando você editar o provedor de nuvem do vRealize Automation.
    Observação: Se o nome do blueprint do vRealize Automation mudar no ambiente do vRealize Automation, o novo nome do blueprint não aparecerá na interface do usuário do Application Services. O novo nome do blueprint é atualizado apenas nos metadados do template de nuvem.

Resultados

O provedor de nuvem é registrado e seus modelos são disponibilizados para uso no Application Services.

O que Fazer Depois

Mapeie o modelo de nuvem do vRealize Automation para os modelos lógicos do Application Services. Consulte Adicionar um modelo lógico à biblioteca.

Crie um ambiente de implantação para implantar um aplicativo no ambiente do vRealize Automation. Consulte Criar um ambiente de implantação do vRealize Automation.