Com o Application Services, é possível criar uma tarefa personalizada para realizar tarefas personalizadas na implantação do aplicativo, como executar patches de segurança.

O catálogo do Application Services contém tarefas predefinidas para configurar repositórios APT ou YUM, um script para registrar uma máquina na rede Red Hat ou um script para permitir que a máquina virtual se conecte ao domínio do Windows Active Directory designado. É possível adicionar essas tarefas personalizadas ao plano de execução em um perfil de implantação. Em alguns casos, em vez de criar uma tarefa personalizada, é possível preferir editar uma tarefa predefinida.

Salve as alterações frequentemente. A sessão da interface do usuário do Application Services expira após 30 minutos de inatividade. Se a sessão expirar, todas as alterações que não foram salvas serão perdidas.

Pré-requisitos

Procedimento

  1. Na barra de título do Application Services, clique no menu suspenso e selecione Biblioteca > Tarefas.
  2. Clique em Novo.
  3. Defina o nome da tarefa personalizada, adicione uma descrição e clique em Salvar.
    É recomendável usar um nome que corresponda à tarefa realizada pelo script.
  4. Clique em Criar versão da Tarefa para criar uma versão da tarefa personalizada.
    É possível criar múltiplas versões para uma tarefa personalizada.
    É exibida uma página para a criação de uma versão da tarefa personalizada.
  5. Preencha as informações da versão da tarefa personalizada.
    Opção Descrição
    Nome O nome da versão da tarefa permanece o mesmo.
    Descrição Adicione informações detalhadas sobre a tarefa personalizada. Por exemplo: descreva o que o script faz ao ser adicionado a um nó no plano de execução.
    Versão É possível especificar versões de correções, atualizações ou novas versões, com ou sem qualificadores. Por exemplo, é possível utilizar números de versão exclusivos, como 1.0 ou 1.5.
    Sistemas operacionais compatíveis

    Caso os scripts usados nesta tarefa só possam ser executados em determinados sistemas operacionais, selecione os sistemas operacionais aqui. No plano de execução, o Application Services evita que a tarefa personalizada apareça na lista Nome da tarefa de catálogo, exceto se ela contiver um desses sistemas operacionais. É necessário adicionar no mínimo um sistema operacional na caixa de texto.

    Para criar um nome de sistema operacional que não está na lista, clique em Cancelar e selecione Biblioteca > Sistemas operacionais.

  6. Na seção Propriedades, defina as variáveis usadas para uma tarefa personalizada.
    Opção Descrição
    Nome da propriedade Clique na primeira linha na coluna Nome da propriedade para definir uma variável. Por exemplo, talvez você crie uma tarefa personalizada para configurar um repositório ou crie uma tarefa de e-mail personalizada para enviar um email de notificação quando a tarefa de implantação para um serviço ou componentes de aplicativo for concluída com sucesso.
    Descrição Inclua detalhes sobre a tarefa personalizada.
    Tipo Para alterar o tipo, selecione um tipo no menu suspenso. Os tipos de propriedade disponíveis são Cadeia de caracteres, Conteúdo e Matriz. Não é possível adicionar tipos ao menu.
    Valor Digite o valor a ser substituído por essa propriedade quando a tarefa personalizada for executada. Por exemplo, para uma propriedade chamada remove_all, é possível digitar true (verdadeiro) ou false (falso) na caixa de texto.
    Protegida

    Marque a caixa de seleção para senhas definidas por você ou outras propriedades cujos valores você queira ocultar. Por exemplo, a propriedade JBOSS_JMX_PWD no serviço JBoss é protegida.

    Se uma propriedade for alterada de segura para não segura, o Application Services redefinirá o valor da propriedade para fins de segurança. É necessário definir um novo valor para a propriedade.

    Botão Excluir Remove a linha selecionada da seção Propriedades.
  7. Na seção Editor de script, adicione um script à tarefa personalizada.
    Um administrador de catálogo pode parametrizar a instalação e a configuração dos serviços. As propriedades definidas para um serviço podem ser usadas no script.
    1. Expanda a caixa de diálogo Editar script e defina o tipo de script no menu suspenso para gravar ou copiar um script.
    2. Marque a caixa de seleção Reinicializar para reiniciar a máquina virtual depois que o script for executado com sucesso durante uma implantação de aplicativo.
    3. Clique na seta para baixo na lista Selecionar uma propriedade para inserir para adicionar propriedades de tarefa personalizada.
    4. Clique em OK depois de terminar.
  8. Quando você terminar de criar a tarefa personalizada, clique em Salvar.

Resultados

A tarefa personalizada criada é adicionada à página Tarefas.

O que Fazer Depois

É possível adicionar uma tarefa personalizada no plano de execução e implantá-la em um ambiente de implantação. Consulte Revisar o plano de execução e adicionar tarefas personalizadas. Modifique a tarefa personalizada para atender às suas necessidades atuais. Consulte Manter versões da tarefa personalizada.