Usando seus privilégios de arquiteto de IaaS, você fornece aos usuários parâmetros mínimos e máximos para a memória e o número de CPU permitidas. Isso conserva recursos, mas também acomoda as necessidades desses usuários.

Por Que e Quando Desempenhar Esta Tarefa

Arquitetos de software e arquitetos de aplicativo não têm permissão para configurar componentes da máquina, mas podem reutilizar blueprints que contêm esses componentes. Ao terminar de editar seu componente de máquina, você publica seu blueprint para que outros arquitetos possam reutilizar seu blueprint de máquina para projetarem seus próprios itens de catálogo. Seu blueprint publicado também está disponível para os administradores de catálogo e os administradores de tenant incluírem no catálogo de serviços.

Procedimento

  1. Clique na guia Recursos de máquina.
  2. Especifique as configurações da CPU para as máquinas provisionadas.
    1. Insira 1 na caixa de texto Mínimo.
    2. Insira 4 na caixa de texto Máximo.
  3. Especifique as configurações de memória para as máquinas provisionadas.
    1. Insira 1024 na caixa de texto Mínimo.

      Esse campo é preenchido automaticamente com base na memória do seu modelo.

    2. Insira 4096 na caixa de texto Máximo.
  4. Especifique as configurações de armazenamento para as máquinas provisionadas.

    Algumas informações de armazenamento são preenchidas com base na configuração do seu modelo, mas você pode adicionar mais armazenamento.

    1. Clique no ícone Novo (Adicionar).
    2. Insira 10 na caixa de texto Capacidade (GB).
    3. Clique em OK.
  5. Clique em Concluir.
  6. Selecione a linha contendo CentOS no vSphere e clique em Publicar.

Resultados

Você criou um blueprint pronto para catálogo para distribuir máquinas vSphere CentOS clonadas aos seus usuários e para reutilização em outros blueprints como o padrão para máquinas CentOS.

O que Fazer Depois

Usando seus privilégios de administrador de tenants, crie um serviço de catálogo para os arquitetos validarem seus blueprints. Publique seu blueprint de máquina CentOS no vSphere como um item de catálogo e solicite que ele verifique seu trabalho. Consulte Cenário: configurar o catálogo para que arquitetos do Rainpole testem blueprints.