Como arquiteto de blueprint, você deseja permitir que os usuários escolham seus próprios nomes de máquina quando eles solicitam os blueprints. Então, você edita seu blueprint existente do vSphere do CentOS para adicionar a propriedade personalizada Nome do host e configurá-la para pedir aos usuários um valor durante as solicitações.

Por Que e Quando Desempenhar Esta Tarefa

Observação:

Se o administrador de estrutura criar um grupo de propriedades que contenha as propriedades personalizadas necessárias e você o incluir no seu blueprint, não será necessário adicionar individualmente as propriedades personalizadas ao blueprint.

Pré-requisitos

Procedimento

  1. Selecione Design > Blueprints.
  2. Aponte para o blueprint do Centos no vSphere e clique em Editar.
  3. Selecione o componente de máquina na tela para abrir a guia de detalhes.
  4. Clique na guia Propriedades.
  5. Clique em Nova propriedade.
  6. Insira Nome de host na caixa de texto Nome.
  7. Deixe em branco a caixa de texto Valor.
  8. Configure o vRealize Automation para solicitar aos usuários um valor de nome de host durante a solicitação.
    1. Selecione Substituível.
    2. Selecione Mostrar na solicitação.

    Como os nomes de host devem ser exclusivos, os usuários só podem solicitar uma máquina de cada vez a partir desse blueprint.

  9. Clique no ícone Salvar (Salvar).
  10. Clique em OK.

Resultados

Os usuários que solicitam uma máquina a partir do blueprint são obrigados a especificar um nome de host para a máquina. O vRealize Automation valida que o nome do host especificado é único.