Como administrador do vCenter Server, você deseja preparar um modelo do vSphere que seus arquitetos do vRealize Automation podem usar para clonar máquinas CentOS Linux. Você deseja garantir que seu modelo suporte blueprints com componentes de software; instale, então, o agente guest e o agente de bootstrap do software antes de transformar sua máquina de referência em um modelo.

Pré-requisitos

  • Identifique ou crie uma máquina de referência Linux CentOS com o VMware Tools instalado. Inclua pelo menos um adaptador de rede para fornecer conectividade de internet caso os arquitetos de blueprint não adicionem esta funcionalidade no nível do blueprint. Para obter informações sobre a criação de máquinas virtuais, consulte a documentação do vSphere.

  • Você deve estar conectado a um vCenter Server para converter uma máquina virtual para um modelo. Não é possível criar modelos se você conectar o vSphere Client diretamente a um host do vSphere ESXi.

Resultados

Você criou uma especificação de personalização e modelo a partir de sua máquina de referência que os arquitetos de blueprint podem usar para criar blueprints do vRealize Automation que clonam máquinas CentOS Linux. Como você instalou o agente de bootstrap do Software e o agente guest em sua máquina de referência, os arquitetos podem usar seu modelo para criar blueprints elaborados de item de catálogo que incluem componentes do Software ou outras personalizações de agente guest, como a execução de scripts ou formatação de discos. Como você instalou o VMware Tools, os arquitetos e administradores de catálogo podem permitir que os usuários executem ações nas máquinas, como a reconfiguração, o snapshot e a reinicialização.

O que Fazer Depois

Após configurar usuários, grupos e recursos do vRealize Automation, você pode usar a especificação de personalização e modelo para criar um blueprint de máquina para clonagem. Consulte Cenário: criar um modelo do vSphere CentOS para clonagem no Rainpole.