Você pode alterar a frequência de diversos procedimentos de retorno de chamada, incluindo a frequência com a qual o procedimento de retorno de chamada do vRealize Automation é executado para concessões de máquinas alteradas.

Por Que e Quando Desempenhar Esta Tarefa

O vRealize Automation usa um intervalo de tempo configurado para executar diferentes procedimentos de retorno de chamada no serviço do Model Manager, como ProcessLeaseWorkflowTimerCallbackIntervalMiliSeconds que pesquisa por máquinas cujas concessões foram alteradas. Você pode alterar esses intervalos de tempo para verificar com maior ou menor frequência.

O valor de tempo para essas variáveis deve ser inserido em milissegundos. Por exemplo, 10000 milissegundos = 10 segundos e 3600000 milissegundos = 60 minutos = 1 hora.

Pré-requisitos

Faça login como administrador no servidor que hospeda o IaaS Manager Service. Para instalações distribuídas, esse é o servidor em que o Manager Service foi instalado.

Procedimento

  1. Abra o arquivo ManagerService.exe.config em um editor. O arquivo está localizado no diretório de instalação do servidor do vRealize Automation, geralmente %SystemDrive%\Program Files x86\VMware\vCAC\Server.
  2. Atualize as variáveis a seguir, conforme desejado.

    Parâmetro

    Descrição

    RepositoryWorkflowTimerCallbackMiliSeconds

    Verifica a atividade do serviço do repositório ou Model Manager Web Service. O valor padrão é 10000.

    ProcessLeaseWorkflowTimerCallbackIntervalMiliSeconds

    Verifica se há concessões de máquinas expiradas. O valor padrão é 3600000.

    BulkRequestWorkflowTimerCallbackMiliSeconds

    Verifica solicitações em massa. O valor padrão é 10000.

    MachineRequestTimerCallbackMiliSeconds

    Verifica solicitações de máquina. O valor padrão é 10000.

    MachineWorkflowCreationTimerCallbackMiliSeconds

    Verifica se há novas máquinas. O valor padrão é 10000.

  3. Salve e feche o arquivo.
  4. Selecione Iniciar > Ferramentas administrativas > Serviços.
  5. Interrompa e, em seguida, reinicie o serviço do vCloud Automation Center.
  6. (Opcional) Se o vRealize Automation estiver sendo executado no modo de alta disponibilidade, as alterações feitas no arquivo ManagerService.exe.config após a instalação deverão ser feitas no servidor principal e no servidor de failover.