Você pode modificar o arquivo de configuração para copiar ou instalar os scripts personalizados em máquinas provisionadas recentemente. O agente do Linux executa os scripts no ponto especificado do fluxo de trabalho.

Por Que e Quando Desempenhar Esta Tarefa

Seu script pode fazer referência a qualquer um dos arquivos ./properties.xml nos diretórios /usr/share/gugent/site/workitem.

Pré-requisitos

Procedimento

  1. Crie ou identifique o script que deseja usar.
  2. Salve o script com NN_scriptname.

    NN é um número de dois dígitos. Os scripts são executados em ordem, do menor para o maior. Se dois scripts tiverem o mesmo número, a ordem será alfabética com base em scriptname.

  3. Torne seu script executável.
  4. Localize a seção de pós-instalação do seu arquivo de configuração kickstart ou autoYaST.

    No kickstart, isso é indicado por %post. No autoYaST, isso é indicado por post-scripts.

  5. Modifique a seção de pós-instalação do arquivo de configuração para copiar ou instalar seu script no diretório /usr/share/gugent/site/workitem desejado.

    Os scripts personalizados são executados com mais frequência para kickstart/autoYaST virtual com os itens de trabalho SetupOS (para provisionamento de criação) e CustomizeOS (para provisionamento de clone), mas você pode executar scripts em qualquer ponto do fluxo de trabalho.

    Por exemplo, você pode modificar o arquivo de configuração para copiar o script 11_addusers.sh para o diretório /usr/share/gugent/site/SetupOS em uma máquina provisionada recentemente usando o seguinte comando:

    cp nfs:172.20.9.59/linuxscripts/11_addusers.sh /usr/share/gugent/site/SetupOS

Resultados

O agente do Linux executa o script na ordem especificada pelo diretório do item de trabalho e pelo nome do arquivo de script.