Com o IaaS (Infrastructure as a Service), você pode modelar e provisionar rapidamente servidores e computadores desktop em infraestruturas de nuvem virtuais e físicas, particulares e públicas, ou híbridas.

A modelagem é feita por meio da criação de um blueprint de máquina, que é uma especificação de uma máquina. Os blueprints são publicados como itens de catálogo no catálogo de serviços comum, e estão disponíveis para reutilização como componentes dentro dos blueprints de aplicativo. Quando um usuário autorizado solicita uma máquina com base em um desses blueprints, o IaaS provisiona a máquina.

Com o IaaS, você pode gerenciar o ciclo de vida da máquina desde uma solicitação de usuário e uma aprovação administrativa até o processo de desativação e reclamação de recursos. Os recursos internos de configuração e extensibilidade também fazem do IaaS um meio altamente flexível de personalizar configurações de máquina e integrar o provisionamento e o gerenciamento de máquinas com outros sistemas corporativos críticos, como balanceadores de carga, bancos de dados de gerenciamento de configuração (CMDBs), sistemas de tíquetes, sistemas de gerenciamento de endereço IP ou servidores DNS (Sistema de Nomes de Domínio).