Como administrador de tenant, você pode criar políticas de aprovação e direitos. Modifique o direito Dev e QE para aplicar as políticas de aprovação criadas para que as aprovações sejam acionadas quando um usuário do catálogo de serviços solicitar o item.

Por Que e Quando Desempenhar Esta Tarefa

Embora possa ser mais fácil autorizar todo o serviço de catálogo ao seu grupo de negócios, isso não permite que você tenha o mesmo controle e governança que tem quando cria direitos individuais para itens de catálogo. Por exemplo, se você autoriza os usuários a um serviço, eles podem solicitar quaisquer itens de catálogo que estão no serviço e todos os itens adicionados ao serviço no futuro. Isso também significa que você só pode usar políticas de aprovação de nível muito alto que se aplicam a cada item de catálogo no serviço, por exemplo, sempre exigindo a aprovação de um gerente. Se você optar por autorizar itens de catálogo individualmente, pode criar e aplicar políticas de aprovação muito específicas para cada item e controlar firmemente quem pode solicitar determinados itens no serviço. Se você optar por autorizar os componentes individuais dos itens de catálogo individualmente, pode controlar ainda mais.

Se você não souber quais políticas de aprovação deseja aplicar aos itens em um direito, poderá voltar mais tarde e aplicá-las. Nesse cenário, você aplica diferentes políticas de aprovação a dois componentes do mesmo blueprint de aplicativo publicado.

Procedimento

  1. Selecione Administração > Gerenciamento de catálogos > Direitos.
  2. Clique no Direito Dev e QE.
  3. Clique na guia Itens e aprovações.
  4. Adicione os CentOS com a máquina MySQL e aplique a política de aprovação.
    1. Clique no ícone Adicionar itens (Adicionar) ao lado do cabeçalho Itens autorizados.
    2. Marque a caixa de seleção CentOS com MySQL.
    3. Clique na seta suspensa Aplicar esta política aos itens selecionados.

      O CentOS na política de memória e de CPU do vSphere não está na lista.

    4. Clique em Mostrar tudo e, em seguida, na seta para baixo para exibir todas as políticas de aprovação.
    5. Selecione CentOS na CPU e memória do vSphere [Catálogo de serviços - Solicitação de item de catálogo - Máquina virtual].

      A máquina CentOS do vSphere é um blueprint de máquina em um blueprint de aplicativo. Reveja os nomes de política para que você selecione o que é apropriado para o seu tipo de item do catálogo. Se você aplicar a política errada, a política de aprovação falha ou aciona solicitações de aprovação com base em condições incorretas.

    6. Clique em OK.
  5. Adicione o componente de software MySQL para máquinas virtuais Linux como um item e aplique uma política de aprovação ao item do MySQL.
    1. Clique no ícone Adicionar Itens de Catálogo e Componentes (Adicionar) ao lado do título Itens de Catálogo e Componentes com Direitos Atribuídos.
    2. No menu suspenso Itens de Catálogo e Componentes, selecione Não.

      Os componentes de software estão sempre associados a uma máquina. Eles não estão disponíveis para solicitação individual no catálogo de serviços.

    3. Marque a caixa de seleção MySQL para máquinas virtuais Linux.
    4. Clique na seta suspensa Aplicar esta política aos itens selecionados.
    5. Selecione Aprovação de acompanhamento de MySQL [Catálogo de serviço - Solicitação de item de catálogo - Componente de software].

      Você não precisa da opção avançada porque a política de aprovação foi criada para este componente de software específico, que é adicionado a uma máquina virtual.

    6. Clique em OK.
  6. Adicione ações que os usuários possam executar na máquina provisionada.

    As políticas de aprovação não são aplicadas a ações nesse cenário.

    1. Clique no ícone Adicionar ações (Adicionar) ao lado do cabeçalho Ações autorizadas.
    2. Selecione as ações a seguir.

      Nome/tipo

      Descrição

      Criar Snapshot/máquina virtual

      Cria um snapshot da máquina virtual, incluindo o software instalado. Permite que os desenvolvedores criem snapshots para os quais podem reverter durante o desenvolvimento.

      Destruir/implantação

      Destrói todo o blueprint provisionado, não somente a máquina. Use essa ação para evitar componentes órfãos.

      Desligar (forçado)/máquina

      Desliga (forçado) a máquina virutal.

      Ligar/máquina

      Liga a máquina virtual.

      Reverter para snapshot/máquina virtual

      Reverte para um snapshot criado anteriormente.

    3. Clique em OK.
  7. Clique em Concluir.

Resultados

Esse direito permite exigir diferentes aprovações em diferentes componentes de blueprint.

O que Fazer Depois

Solicite o item CentOS com MySQL no catálogo de serviços como membro do grupo de negócios para verificar se o direito e as aprovações se comportam conforme o esperado.