Use o shell script de atualização para atualizar os componentes de IaaS após atualizar cada appliance do VMware vRealize ™ Automation.

Por Que e Quando Desempenhar Esta Tarefa

A appliance do vRealize Automation primária ou mestre atualizada contém um shell script que você usa para atualizar cada nó e componente de IaaS.

Você pode executar o script de atualização usando o console do vSphere para a máquina virtual ou usando uma sessão do console de SSH. Se você usar o console do vSphere, evite problemas de conectividade de rede intermitente que podem interromper a execução do script.

Se você parar o script enquanto ele estiver atualizando um componente, o script para após concluir a atualização do componente. Se ainda for necessário atualizar outros componentes do nó, você deverá executar o script novamente.

Quando a atualização estiver concluída, você poderá revisar o resultado da atualização abrindo o arquivo de log em /usr/lib/vcac/tools/upgrade/upgrade.log.

Pré-requisitos

  • Verifique a atualização bem-sucedida de todos os appliances do vRealize Automation.

  • Se você reiniciar um servidor de IaaS após atualizar todos os appliances do vRealize Automation, mas antes de atualizar os componentes de IaaS, interrompa todos os serviços do Windows de IaaS, exceto o serviço do Agente de Gerenciamento, no servidor.

  • Antes de executar o shell script de atualização no nó da instância primária ou mestre do appliance do vRealize Automation, verifique se o status de todos os serviços, exceto pelo iaas-service, na guia Serviços do vRealize Automation console de gerenciamento do appliance está listado como REGISTRADO.

  • Em cada nó IaaS, instale manualmente o Agente de Gerenciamento IaaS enviado como um pacote separado na vRealize Automation página de download do 7.2. Para obter mais informações, consulte o artigo 2147926 da Base de Dados de Conhecimento.

    Não tente utilizar o instalador de Agente de Gerenciamento que está incluído no appliance virtual do vRealize Automation.

    Faça login em cada máquina de IaaS do vRealize Automation e atualize o Agente de Gerenciamento com o pacote baixado. Depois, reinicie o serviço de Agente de Gerenciamento do Windows.

  • Verifique se o seu nó primário de IaaS e do Model Manager tem o JAVA SE Runtime Environment 8, 64 bits, com atualização 91 ou superior instalada. Depois de instalar o Java, você deve configurar a variável de ambiente, JAVA_HOME, como a nova versão em cada nó do servidor.

  • Faça login em cada nó do site de IaaS e verifique se a data de criação é anterior à data de modificação no arquivo web.config. Se a data de criação do arquivo web.config for igual ou posterior à data de modificação, realize o procedimento descrito em Falha na atualização para o componente do site do IaaS

  • Execute estas etapas em cada nó IaaS para verificar se cada nó IaaS tem um Agente de Gerenciamento IaaS atualizado.

    1. Faça login no vRealize Automation console de gerenciamento do appliance.

    2. Selecione Configurações do vRA > Cluster.

    3. Expanda a lista de todos os componentes instalados em cada nó de IaaS e localize o Agente de Gerenciamento de IaaS.

    4. Verifique se a versão do Agente de Gerenciamento é a atual.

  • Verifique se o backup do banco de dados Microsoft SQL Sever de IaaS está acessível caso você precise fazer a restauração.

  • Verifique se os snapshots dos servidores do IaaS na sua implantação estão disponíveis.

    Se a atualização não for concluída com sucesso, volte ao snapshot e backup do banco de dados e tente atualizar novamente.

Procedimento

  1. Abra uma nova sessão do console no nó da instância primária ou mestre do appliance do vRealize Automation e faça login com a conta raiz.

    Se planeja executar o script de atualização por meio de SSH, abra uma sessão do console de SSH.

  2. Altere os diretórios para /usr/lib/vcac/tools/upgrade/.
  3. Execute este comando no prompt de comando para criar o arquivo upgrade.properties.

    ./generate_properties

  4. Abra o arquivo upgrade.properties e insira todos os valores obrigatórios.

    Esta tabela mostra os valores obrigatórios, que variam conforme o ambiente. Por exemplo, em um nó contendo um DEM Worker ou Orchestrator, as credenciais de DEM são obrigatórias.

    Valor obrigatório

    Descrição

    Formato da credencial

    web_username

    Nome de usuário do nó Web primário. Obrigatório somente uma vez.

    Domínio\Usuário

    web_password

    Senha do nó Web primário. Obrigatório somente uma vez.

    Senha

    dem_username

    Nome de usuário do DEM Worker ou DEM Orchestrator. Obrigatório para todos os nós onde um componente de DEM está instalado.

    Domínio\Usuário

    dem_password

    Senha do DEM Worker ou DEM Orchestrator. Obrigatório para todos os nós onde um componente de DEM está instalado.

    Senha

    agent_username

    Nome de usuário de um agente, como um agente vSphere. Obrigatório para todos os nós onde um componente de agente está instalado.

    Domínio\Usuário

    agent_password

    Senha de um agente, como um agente vSphere. Obrigatório para todos os nós onde um componente de agente está instalado.

    Senha

    vidm_admin_password

    A senha do administrador de VIDM. Obrigatório somente ao atualizar do vRealize Automation 6.2.4 ou 6.2.5.

    vIDM_password

    Por motivos de segurança, o arquivo upgrade.properties é removido quando você executa o shell script de atualização. As propriedades do arquivo são definidas usando as informações de cada componente de IaaS que vem através dos Agentes de Gerenciamento de IaaS. É importante que todos os Agentes de Gerenciamento de IaaS estejam atualizados e em estado íntegro antes de executar os shell scripts ./generate_properies ou ./upgrade. Se algum Agente de Gerenciamento de IaaS apresentar um problema quando você executar o shell script de atualização, consulte Falha ao atualizar o agente de gerenciamento ou o certificado não instalado em um nó do IaaS. Para recriar o arquivo upgrade.properties, repita as etapas 2 e 3.

  5. Execute o script de atualização.
    1. No prompt de comando, insira ./upgrade.
    2. Pressione Enter.

    O script exibe todos os nós de IaaS e todos os componentes instalados neles. O script valida todos os componentes antes de instalar a atualização. O scrit vai falhar caso existam valores incorretos no arquivo upgrade.properties.

    Se o Shell Script de Atualização falhar, revise o arquivo upgrade.log.

    Você poderá executar o script de atualização novamente depois de corrigir os problemas. Antes de executar o script de atualização novamente, recrie o arquivo upgrade.properties, abra-o e insira todos os valores obrigatórios.

O que Fazer Depois

Adicionar usuários ou grupos a uma conexão do Active Directory