Você cria e configura os endpoints que permitem que o vRealize Automation se comunique com a sua infraestrutura.

As definições de endpoint são categorizadas com base no tipo:

  • Nuvem

    A categoria de nuvem contém os tipos de endpoint vCloud Air, vCloud Director, Amazon EC2 e OpenStack

  • IPAM

    Essa categoria é apenas visível se você tiver registrado um tipo de endpoint IPAM de terceiros, como o IPAM do Infoblox em um fluxo de trabalho do vRealize Orchestrator.

  • Gerenciamento

    Esta categoria contém apenas o endpoint do vRealize Operations Manager.

  • Rede e segurança

    Esta categoria contém tipos de endpoint de proxy e do NSX.

    Um endpoint de proxy pode ser associado a um endpoint do Amazon, do vCloud Air ou do vCloud Director.

    Um endpoint do NSX pode ser associado a um endpoint do vSphere.

  • Orquestração

    Esta categoria contém apenas o endpoint do vRealize Orchestrator.

  • Armazenamento

    Esta categoria contém o endpoint do NetApp ONTAP.

  • Virtual

    A categoria virtual contém os tipos de endpoint do vSphere, do Hyper-V (SCVMM) e do KVM (RHEV).

Você pode configurar tipos adicionais de endpoint do vRealize Orchestrator e usá-los com tipos de endpoints compatíveis com o vRealize Automation. Também é possível importar e exportar endpoints de forma programática.

Para obter informações sobre como trabalhar com endpoints após a atualização ou a migração, consulte Considerações ao trabalhar com endpoints atualizados ou migrados.