Atualizado em: 19 FEV 2019

vRealize Automation | 12 DE ABRIL DE 2018 | Compilação 8229492

Verifique regularmente se há complementos a estas notas de versão ou se foram atualizadas.

O que há nas notas de versão

As notas de versão abrangem os seguintes tópicos:

Novidades

A versão do vRealize Automation 7.4 inclui problemas resolvidos e os seguintes recursos novos.

Designer de Formulários de Solicitação Personalizados

O vRealize Automation 7.4 é bastante otimizado para arquitetos de serviço, graças ao novo Designer de Formulários de Solicitação Personalizados que proporciona uma experiência consistente ao projetar itens de catálogo de infraestrutura e aplicativo. Ele facilita a criação de blueprints genéricos com uma camada de apresentação avançada e fácil de entender, aplicável a diferentes linhas nos negócios. O Formulário de Solicitação Personalizado pronto para uso elimina a necessidade de quebra automática de infraestrutura e blueprints do PaaS em blueprints do XaaS, o que reduz a expansão de blueprint e reduz o custo de propriedade.

Ao aproveitar os Formulários Personalizados, os arquitetos de blueprint do designer são capazes de aplicar a seguinte lógica no formulário de solicitação de blueprint:

  • Propriedades personalizadas e controles de arrastar e soltar na tela de criação
  • Aproveitar o esquema de blueprint – propriedades do blueprint, propriedades personalizadas e perfis
  • Usar formulários gerados
  • Salvar, apagar e reverter formulários personalizados
  • Mostrar ou ocultar dinamicamente campos com base em lógica condicional personalizada
  • Preencher automaticamente e dinamicamente valores de entrada com base em lógica externa e interna
  • Usar dependências internas e chamadas externas com o vRealize Orchestrator
  • Aplicar restrições a valores de entrada
  • Aplicar validação personalizada usando expressões comuns
  • Aplicar o texto de ajuda e as mensagens de erro personalizados
  • Escolher os objetos de inventário do vRealize Orchestrator
  • Suporte para tipos complexos como volumes de disco e tipos de composição do vRealize Orchestrator
  • Usar a formatação avançada e aplicar CSS personalizado ao formulário de solicitação de blueprint
  • Validação automática de formulário da definição de blueprint durante o tempo de projeto
  • Exportação e importação de formulário personalizado via GUI e CLI

Para obter informações, consulte Fornecer Blueprints de serviço para os usuários.

Implantar do OVF

  • Nova opção de provisionamento para implantar blueprints do vSphere a partir de um OVF ou OVA

  • Especificar a URL para a localização do OVF com opções de autenticação e proxy disponíveis

  • Suporte para opções avançadas de configuração na forma de propriedades personalizadas específicas para o OVF

  • Suporte para parametrização com o perfil de componente da imagem

Para obter informações, consulte Configurando um blueprint para provisionar a partir de um OVF.

Integração aprimorada com o vRealize Operations para posicionamento da carga de trabalho

Melhoramos nossa integração com o vRealize Operations para otimizar o posicionamento das cargas de trabalho no momento da implantação. O posicionamento da carga de trabalho agora leva em consideração as políticas de reserva de armazenamento configuradas no vRealize Automation.

Para obter informações, consulte o Efeito das políticas de reserva de armazenamento do vRealize Automation.

Melhorias na instalação, atualização e migração

  • Gerenciamento de Certificados consolidado em uma página comum no Gerenciamento do Appliance do vRealize Automation

  • Status do serviço IaaS no Gerenciamento do Appliance do vRealize Automation na guia Cluster

  • Suporte para renomear host do vRealize Automation

  • Suporte para implementações vra-command no Python

  • Rotação de log mais rápida e rotação adicional para os serviços RabbitMQ e HealthBroker

  • Formatos de arquivo de log atualizados para mostrar carimbos de data/hora local e UTC

  • A configuração estendida do agente do Log Insight foi adicionada ao Gerenciamento do Appliance do vRealize Automation

  • Ative as opções de início, parada e redefinição do configurador do vRealize Orchestrator por meio do Gerenciamento do Appliance do vRealize Automation, em vez da CLI desativada por padrão

  • Guia Gerenciamento do Appliance do vRealize Automation para atualização de Agentes do Software

  • Migração automatizada para o vRealize Orchestrator incorporado

  • Limpar o pacote de migração após a conclusão da migração

  • Desativar a edição de tenant padrão ou campos do administrador

Para obter mais informações, consulte Instalando ou atualizando o vRealize Automation.

Gerenciamento de Patches do vRealize Automation

Suporte adicionado para patches cumulativos.

  • Rastreamento de hotpatches entregues e implantados

  • Aviso de que os patches precisam ser instalados nos nós adicionais em um ambiente em cluster

  • Tentar novamente ao falhar a instalação

  • Reverter para o patch anterior

  • Histórico de patches disponível

Para obter mais informações, consulte Acessar gerenciamento de patches.

Provisionamento de usuários Just-in-Time

Oferecemos recurso de provisionamento Just-in-Time (JIT) no vRealize Automation. Depois de configurar o JIT, os usuários são criados automaticamente no primeiro login e os atributos do usuário são sincronizados nos logins subsequentes. Além disso, oferecemos a associação ao grupo dinâmico do vIDM. O grupo dinâmico do vIDM é exposto ao vRealize Automation e a associação de grupos avançados pode ser usada para criar, atualizar ou excluir associações de grupos personalizados. Os grupos personalizados também podem ser migrados. A API para esse recurso também é fornecida.

Para obter informações, consulte Configurar o provisionamento de usuários Just-in-Time.

Melhoria no processamento de solicitações congeladas

  • Cancelar solicitações que estão congeladas no estado "Em andamento" por meio da API ou do CloudClient e limpar os recursos provisionados associados à solicitação cancelada

  • Novo filtro na guia Solicitações para ocultar solicitações com falha e canceladas

Para obter informações, consulte vRealize CloudClient 4.5.

Segurança

  • Aprimoramentos de segurança de portlet do quadro de mensagens
    • Introdução a uma lista branca de URLs que podem ser exibidas no quadro de mensagens
  • O protocolo de TLS 1.2 agora é o protocolo padrão para uma comunicação segura

Para obter informações, consulte Criar uma lista branca de URLs de portlet do quadro de mensagens.

Multitenants no VMware vRealize Orchestrator

A arquitetura multitenant foi introduzida no vRealize Orchestrator 7.4. 

Para obter informações, consulte Multitenants no VMware vRealize Orchestrator.

O suporte para autenticação do Microsoft NT LAN Manager (NTLM) usando a instância do vIDM incorporada está preterido no vRealize Automation 7.4

Observação: Esta versão inclui todos os problemas que foram corrigidos no vRealize Automation 7.3.1. Para obter informações, consulte Notas da versão do vRealize Automation 7.3.1.

Internacionalização

O vRealize Automation 7.4 está disponível nos seguintes idiomas:

  • Inglês
  • Francês
  • Alemão
  • Espanhol
  • Japonês
  • Coreano
  • Chinês simplificado
  • Chinês tradicional
  • Italiano
  • Russo
  • Holandês
  • Português (Brasil)

Para obter mais informações sobre o suporte de idioma de produto, consulte o Guia de globalização de produtos da VMware.

Requisitos do sistema

Para obter informações sobre os sistemas operacionais do host, os bancos de dados e os servidores da Web compatíveis, consulte a Matriz de suporte do vRealize Automation.

Documentação

Para a documentação do vRealize Automation 7.4, consulte o VMware vRealize Automation nos documentos do VMware.

Instalação

Para obter instruções de instalação e pré-requisitos, consulte Instalando o vRealize Automation no VMware Docs.

Atualização

Para obter orientações gerais, consulte Atualizando o vRealize Automation no VMware Docs.

Antes de atualizar o vRealize Automation 6.2.x

A vRealize Production Test Upgrade Assist Tool analisa seu ambiente do vRealize Automation 6.2.x em busca de qualquer configuração de recurso que possa causar problemas de atualização e verifica se o seu ambiente está pronto para atualização. Para baixar essa ferramenta e a documentação relacionada, acesse a página Baixar produto da VMware vRealize Production Test Tool.

Usando o vRealize Code Stream

Para usar o vRealize Code Stream no seu ambiente do vRealize Automation, você deve ter uma licença do vRealize Code Stream.

Você pode inserir a licença no Assistente de Instalação do vRealize Automation ou na Interface de Gerenciamento do Appliance do vRealize Automation.

Para obter mais informações, consulte

Problemas resolvidos

  • Novo Ações de recursos não podem mapear parâmetros externos, incluindo vCloud:VM e VC:VirtualMachine

    O parâmetro de entrada vCloud:VM da ação personalizada está acinzentado e não pode ser selecionado como entrada da ação de script no editor de formulários XaaS.

  • Um Distributed Execution Manager (DEM) ou Distributed Execution Manager Orchestrator (DEO) não é atualizado quando é realizada a atualização para o vRealize Automation 7.3.x. 

    O componente de Infraestrutura como Serviço (IaaS) DEM ou DEO deve ser instalado no local padrão em c:\program files (x86)\vmware\vcac quando é realizado o upgrade para o vRealize Automation 7.3.x. Se esses componentes não estiverem instalados no local padrão, eles não serão atualizados durante a atualização.

  • Os links para download na página Instaladores do Agente do Software e do Guest para o Java Runtime Environment para Linux estão incorretos

    Esses links aparecem na seção Linux Software Installers.

    • vmware-jre-1.8.0_121-fcs.i586.rpm
    • vmware-jre-1.8.0_121-fcs.x86_64.rpm

    Ao clicar em um desses links, uma nova página é aberta e exibe o erro HTTP Status 404 – Not Found. 

    Solução alternativa: Para baixar estes arquivos RPM:

    1. Substitua o nome do arquivo na URL que aparece no campo de endereço do navegador após clicar no link.

    • Substitua vmware-jre-1.8.0_121-fcs.i586.rpm por vmware-jre-1.8.0_121-fcs_b31.i586.rpm.
    • Substitua vmware-jre-1.8.0_121-fcs.x86_64.rpm por vmware-jre-1.8.0_121-fcs_b31.x86_64.rpm.

    Por exemplo:

    • https://va-hostname.domain.name​/software/download/vmware-jre-1.8.0_121-fcs_b31.x86_64.rpm
    • https://va-hostname.domain.name/software/download/vmware-jre-1.8.0_121-fcs_b31.i586.rpm

    2. Pressione Enter.

    Apesar de a mensagem de erro permanecer no navegador, o arquivo é baixado com êxito.

  • Não foi possível adicionar uma regra de encaminhamento de porta NAT a uma rede NAT sob demanda implantada que esteja associada a um provedor IPAM de terceiros

    Quando você adiciona uma regra de encaminhamento de porta NAT usando a ação de pós-provisionamento Alterar Regras NAT a uma rede NAT sob demanda implantada associada a um provedor de IPAM de terceiros, o menu suspenso do campo Componente não mostra nenhum dado e não aceita novos dados. Isso impede que você adicione uma nova regra.

     

  • O procedimento Definir Configurações de Distribuição do Servidor Virtual contém um padrão de tráfego HTTPS não suportado

    O procedimento Definir Configurações de Distribuição do Servidor Virtual contém a sub-etapa a seguir.

    Selecione ID da sessão SSL para suportar um dos seguintes padrões de tráfego HTTPS suportados:

    • Passagem SSL - Cliente -> HTTPS -> LB (passagem SSL) -> HTTPS -> servidor
    • Cliente - HTTP-> LB -> HTTP -> servidores

    Se você selecionar o padrão Cliente - HTTP, o sistema usará o padrão de tráfego Passagem SSL - Cliente. O vRealize Automation não tem suporte para o padrão de tráfego Cliente - HTTP.

  • A ação de pós-provisionamento Alterar Regras de NAT falha para um blueprint importado do YAML

    Quando chamada em uma implantação, a ação de pós-provisionamento Alterar Regras de NAT falha com o seguinte erro: Falha ao invocar a solicitação de atualização de implantação [{Não foi possível determinar o estado do componente atual para nat1}]. Isso acontece quando o blueprint associado a implantação é importado de um arquivo YAML contendo uma rede NAT sob demanda que tem valores não idênticos em seus campos de nome e ID.

  • Endpoints estarão ausentes após a atualização para o vRealize Automation 7.3 ou 7.3.1 se os endpoints tiverem propriedades específicas do vRealize Orchestrator adicionadas  

    Uma propriedade personalizada específica do endpoint do vRealize Orchestrator causa a falha na atualização do endpoint.  

  • A opção Serviços Avançados foi removida do menu Administração

    Você não pode mais configurar a pasta de fluxo de trabalho padrão para um tenant via Administração > Serviços Avançados > Pasta do vRO padrão. Essa opção foi removida.

Problemas conhecidos

Os problemas conhecidos são agrupados da seguinte maneira.

Atualização
  • Ao atualizar os dispositivos do vRealize Automation, você pode ter falhas relacionadas a duplicatas no banco de dados para o serviço do vRealize Orchestrator

    A falha mostrada na interface do usuário será semelhante ao seguinte:

    • Falha ao instalar atualizações (erro durante a execução de scripts de pós-instalação).
    • Verificação de VA: concluída
    • Pré-instalação: concluída
    • Pós-instalação: falha
    • Falha na atualização (código 0-2). Verifique os logs em /opt/vmware/var/log/vami ou tente novamente a atualização mais tarde.

    Os erros listados em /var/log/bootstrap/postupdate.log incluirão:

    Resolva duplicadas excluindo itens desnecessários.

    Entradas duplicadas encontradas no banco de dados Orchestrator:

    Duplicatas de elemento de recurso:

    • 1 item com ID '<UUID>' e nome 'ko.properties'
    • 1 item com ID '<UUID>' e nome 'fr_FR.properties'
    • 1 item com ID '<UUID>' e nome 'zh_CN.properties'

    (e muito mais)

    Solução alternativa: Aplique a solução alternativa antes de atualizar para a versão 7.4. Consulte o artigo 54982 da Base de Conhecimento.

  • NOVO Atualizações personalizadas no arquivo setenv.sh para o vRO são sobrescritas após o upgrade.

    Após a atualização, atualize manualmente os valores conforme necessário após o upgrade e reinicie o servidor VCO para aplicar as alterações.

  • NOVO O portal do vRA é desativado (serviços indisponíveis) após o upgrade ou após a alteração da senha de administrador do SSO

    Se o usuário tiver configurado um provedor de autenticação vRO personalizado no vRO Control Center, esse valor será substituído pelo valor padrão (vsphere.local\vcoadmins) após a atualização ou após a alteração da senha de administrador do SSO.

    Solução alternativa: Consulte o artigo 56627 da Base de Conhecimento.

Configuração e provisionamento
  • Erro 401 não autorizado recebido

    A interface de programação de aplicativos do vRealize Automation chama a interface de programação de aplicativos do VMware Identity Manager (vIDM). Porque o vIDM não oferece suporte a autenticação de API para um Provedor de Identidade externo ou de terceiros e para IDP de terceiros, a autenticação falha quando o IDP de terceiros é utilizado. No entanto, o IDP de terceiros é um pré-requisito para habilitar e configurar o recurso de provisionamento de usuário Just-in-Time (JIT) do vIDM. Assim os usuários JIT não podem se autenticar usando a API do vRealize Automation.

    Solução alternativa: Autenticação de API, usando o tipo de senha de concessão OAuth2 requer que exista um dos seguintes métodos de autenticação de senha no vIDM:

    • Autenticação de senha do conector
    • Autenticação de senha (saída) do conector
    • Senha de usuário local
    • Senha Acc

    Mesmo quando um IDP de terceiros é configurado para autenticação, uma das senhas deve existir. Para contornar esse problema, os usuários locais podem se autenticar usando a API do vRealize Automation.

  • Falha na solicitação para retomar

    A solicitação para retomar pode falhar nestas situações:

    1. A solicitação para retomar falha em uma solicitação de componente em que uma máquina é alocada com êxito, mas o provisionamento falha. Isso acontece quando o sistema tenta reprovisionar uma máquina usando as informações de alocação que não são mais válidas.
    2. Falha na solicitação para retomar em um blueprint aninhado. A operação de solicitação para retomar falha ao inicializar as solicitações do blueprint interno corretamente durante a recriação das solicitações do componente.

    Solução alternativa: Nenhuma

  • Um campo de XaaS que está vinculado ao _asd.requestInfo_~requestedBy ou _asd.requestInfo_~requestedFor é avaliado incorretamente quando o XaaS está em um blueprint de componente

    Um campo de XaaS com uma restrição de valor que está vinculado ao _asd.requestInfo_, requestedFor ou requestedBy é avaliado para a última pessoa que editou e salvou o blueprint do XaaS.

    Solução alternativa:

    1. Remova a restrição de valor do campo de XaaS vinculado.
    2. Defina um valor padrão nesse campo e vincule-o a _asd.requestInfo_~requestedBy~principalId.
    3. Exclua e arraste novamente o componente do XaaS para a tela de criação do blueprint composto.
    4. Salve o blueprint composto.
  • Quando você cancela uma solicitação de item de catálogo imediatamente após enviá-la, o processo aparece congelado no estado CANCELLING (CANCELANDO)  

    O sistema não chama o evento de conclusão de solicitação, o que pode levar a solicitação a ficar congelada no estado de CANCELLING (CANCELANDO).

    Solução alternativa: Não cancele uma solicitação de catálogo imediatamente após enviá-la. Aguarde até que o processo avance para o estado IN-PROGRESS (EM ANDAMENTO).

  • Editar um adaptador de autenticação do conector pode requerer login

    Os administradores podem usar o console do vRealize Automation para configurar Adaptadores de Autenticação para Conectores que correspondem a um diretório, dentro de até 30 minutos após fazer o login no console. Se um administrador tentar realizar essa configuração após 30 minutos, uma página de login será exibida e a autenticação será necessária.

    Solução alternativa: Faça login, novamente, no console com credenciais de administrador.

  • Você será solicitado a fazer login novamente no Gerenciamento do Appliance do vRealize Automation após ter feito o login com êxito

    Após clicar em Gerenciamento de Patch no Gerenciamento do Appliance do vRealize Automation, você será solicitado a inserir suas credenciais novamente.

    Solução alternativa: Autentique novamente como usuário raiz para usar a página de gerenciamento de patch.

  • Quando o controlador de domínio primário não está disponível, o login é muito lento ou falha

    Quando uma tentativa de entrar em contato com o controlador de domínio primário falha, o vIDM entra em contato com o controlador de domínio secundário. Em função do vIDM sempre entrar em contato com o controlador de domínio primário antes de entrar em contato com o controlador de domínio secundário, há um atraso no processamento das solicitações de login. Isso faz com que as solicitações se acumulem e reduzam a velocidade do sistema.

    Solução alternativa: Consulte o artigo 52840 da Base de Conhecimento.

  • Após uma migração bem-sucedida do vRealize Automation 7.3 para a versão 7.4, você recebe uma mensagem de falha para algumas operações em recursos do Azure

    Após uma migração bem-sucedida do vRealize Automation 7.3 para a versão 7.4, algumas operações, como a reinicialização, falham de maneira intermitente em recursos do Azure migrados. Essas falhas são relatadas no vRealize Automation, mesmo que o fluxo de trabalho do vRealize Orchestrator seja bem-sucedido.

    Solução alternativa: Abra um novo prompt de comando, execute estes comandos, faça as edições solicitadas para aumentar os valores de tempo limite nas propriedades o11n-gateway e shindig-ui, e reinicie o vcac-server.

    1. # cd /var/lib/vcac/server/webapps/vcac/WEB-INF/classes/

    2. # cp shindig.properties shindig.properties.`date +%m%d%Y`

    3. # vi shindig.properties

    4. edit > shindig.http.client.read-timeout-ms=150000

    5. # cd /usr/lib/vcac/server/webapps/o11n-gateway-service/WEB-INF/classes/META-INF/spring/root

    6. # cp o11n-gateway-service-context.xml o11n-gateway-service-context.xml.`date +%m%d%Y`

    7. # vi o11n-gateway-service-context.xml

    8 edit > to 150000

    9. # service vcac-server restart

  • O serviço de integridade do vRealize Automation mostra vários erros quando um ou mais appliances virtuais não estão disponíveis

    Quando um ou mais appliances virtuais não estão disponíveis, o serviço de integridade mostra erros. Alguns erros podem ocultar outros erros que estão ocorrendo.

    Solução alternativa: restaure o nó com falha ou remova o nó do cluster para revelar quaisquer erros ocultos.

  • Clicar nos botões Iniciar, Parar ou Reinicializar na guia Xenon, no Gerenciamento do Appliance do vRealize Automation, não afeta o serviço

    Em um ambiente agrupado em cluster, as operações iniciar, parar ou reinicializar na guia Xenon, no Gerenciamento do Appliance do vRealize Automation Appliance, não afetarão o serviço se forem executadas de um nó de réplica.

    Solução alternativa: As operações do serviço Xenon só devem ser executadas no nó mestre.

  • Quando você inicia um navegador e abre o Gerenciamento do Appliance do vRealize Automation, uma mensagem de erro sobre um certificado autoassinado será exibida e não será possível prosseguir

    Navegadores com HTTP Strict Transport Security (HSTS) habilitados impedem o acesso a sites com um certificado autoassinado.

    Solução alternativa: Consulte o artigo 53533 da Base de Conhecimento.

  • O modo de failover automático do Service Manager é habilitado após a execução da atualização automática do IaaS para 7.4

    Se você atualizar ou migrar para o vRealize Automation 7.4 do 7.3 ou 7.3.1 e tiver deliberadamente desabilitado o failover automático antes da atualização ou migração, o recurso será habilitado durante a atualização automática do IaaS para 7.4.

    Para desativar o modo de failover automático do Manager Service, conclua uma destas tarefas.

    • Desativar o failover automático do Manager Service

                Para obter informações, consulte Habilitar o failover automático do Manager Service em Instalando o vRealize Automation.

    • Atualizar manualmente o IaaS usando o instalador herdado

                Para obter informações, consulte Baixar o instalador do IaaS para atualizar os componentes do IaaS em Atualizando o vRealize Automation 6.2.5 para 7.4.

  • A operação de pós-provisionamento Gerenciar Endereço IP Público para uma máquina virtual do Azure atinge o tempo limite

    O tempo necessário para obter o endereço público atual e disponível da máquina virtual do Azure por meio do vRealize Orchestrator é muito longo. O processo atinge o tempo limite no vRealize Automation com esta mensagem de erro: "A conexão com o servidor do vCenter Orchestrator atingiu o tempo limite."

    Solução alternativa:

    Conclua este procedimento para aumentar a configuração de tempo limite no vRealize Automation.

    1. Em cada host do appliance do vRealize Automation, abra um prompt de comando usando SSH e faça login como raiz.
    2.  Execute este comando para interromper os serviços do vRealize Automation em todos os nós: service vcac-server stop
    3. Altere os diretórios para /etc/vcac/ e abra o arquivo vcac.properties com um editor de texto.
    4. Aumente o valor de tempo limite da propriedade vco.socket.timeout.millis para 300000. Por exemplo, vco.socket.timeout.millis= 300000. A configuração está em milissegundos.
    5. Salve e feche o arquivo vcac.properties.
    6. Altere os diretórios para /var/lib/vcac/server/webapps/vcac/WEB-INF/classes/.
    7. Execute este comando para fazer backup do arquivo shindig.properties: cp shindig.properties shindig.properties.bak
    8. Abra o arquivo shindig.properties com um editor de texto e localize a linha no arquivo parecida com shindig.http.client.read-timeout-ms=70000. 
    9. Aumente o valor de shindig.http.client.read-timeout-ms para 300000. Por exemplo, shindig.http.client.read-timeout-ms=300000.
    10. Salve e feche o arquivo shindig.properties.
    11. Altere os diretórios para /etc/vcac/ e abra o arquivo setenv-user com um editor de texto.
    12. Adicione esta linha ao arquivo: VCAC_OPTS="$VCAC_OPTS -Dclient.system.socket.timeout=300000"
    13. Salve e feche o arquivo setenv-user.
    14. Execute este comando para iniciar os serviços do vRealize Automation em todos os nós: service vcac-server start
  • Em um ambiente em cluster do vRealize Automation, os appliances de réplica podem atingir 100% de utilização da CPU

    Em um ambiente em cluster do vRealize Automation, os appliances de réplica podem atingir 100% de utilização da CPU devido a vários processos socat.

    Solução alternativa: Consulte o artigo 54143 da Base de Conhecimento.

  • Falha na sincronização do Active Directory

    1. O AD tem mais de 200 mil usuários e 60 mil grupos.
    2. O domínio de nível superior, como abc.com, é usado para sincronizar em vez de subdomínios, como subdomínio1.abc.com.

    Sintoma:

    o log do conector (localizado em /var/log/vmware/horizon folder of cafe) emite um erro:

    2018-03-23 18:01:22,122 ERROR (SimpleAsyncTaskExecutor-168) [3259@JNJ;local@JNJ;127.0.0.1] com.vmware.horizon.directory.ldap.LdapConnector - Problem reading from LDAP directory: javax.naming.OperationNotSupportedException: [LDAP: error code 12 - 00002040: SvcErr: DSID-03140395, problem 5010 (UNAVAIL_EXTENSION), data 0

    1. A sincronização do AD precisa ser realizada para cada UO individual, permitindo um máximo de 120 mil usuários e 40 mil grupos em uma UO.
    2. As proteções precisam ser ignoradas na página Configurações de Sincronização > Proteções.

Problemas anteriores conhecidos

Para visualizar uma lista de problemas conhecidos anteriormente, clique aqui.

check-circle-line exclamation-circle-line close-line
Scroll to top icon