Antes de executar o processo de atualização do vRealize Automation, revise estes pré-requisitos.

Requisitos de configuração do sistema

Certifique-se de cumprir os seguintes pré-requisitos antes de iniciar uma atualização.

  • Verifique se todos os dispositivos e servidores que fazem parte de sua implantação satisfazem os requisitos do sistema para a versão mais recente. Consulte o link da matriz de suporte do vRealize Automation na documentação do produto do vRealize Automation.

  • Consulte a Matriz de Interoperabilidade de Produtos VMware no site do VMware para obter informações sobre a compatibilidade com outros produtos VMware. Consulte o link das matrizes de interoperabilidade do vRealize Automation na documentação do produto do vRealize Automation.

  • Verifique se o vRealize Automation a partir do qual você está atualizando está em uma condição de trabalho estável. Corrija quaisquer problemas antes de atualizar.

  • Verifique se você alterou as configurações de tempo limite do balanceador de carga do padrão para pelo menos 10 minutos.

Requisitos de configuração de hardware

Verifique se o hardware no seu ambiente é adequado para a versão do vRealize Automation para a qual você está atualizando.

Consulte Especificações de hardware do vRealize Automation e máximos de capacidade

Certifique-se de cumprir os seguintes pré-requisitos antes de iniciar uma atualização.

  • Você deve ter pelo menos 18 GB de RAM, 4 CPUs, Disco 1 = 50 GB, Disco 3 = 25 GB e Disco 4 = 50 GB antes de executar a atualização.

    Se a máquina virtual estiver no vCloud Networking and Security, talvez seja necessário alocar mais espaço em RAM.

    Embora o suporte geral para vCloud Networking and Security tenha terminado, as propriedades personalizadas de VCNS continuam válidas para fins de NSX. Consulte o artigo 2144733 da Base de Conhecimento.

  • Estes nós devem ter pelo menos 5 GB de espaço livre em disco:

    • Sites do IaaS primário

    • Banco de dados Microsoft SQL

    • Model Manager

  • Para baixar e executar a atualização, você deve ter os seguintes recursos:

    • Pelo menos 15 GB na partição raiz

    • 5 GB na partição /storage/db para o mestre Appliance do vRealize Automation

    • 15 GB na partição raiz para cada appliance virtual de réplica

  • Verifique a subpasta /storage/log e remova arquivos ZIP arquivados mais antigos para liberar espaço.

Pré-requisitos gerais

Certifique-se de cumprir os seguintes pré-requisitos antes de iniciar uma atualização.

  • Faça backup do arquivo setenv.sh antes de iniciar a atualização porque as atualizações personalizadas para esse arquivo são substituídas após a atualização. O arquivo está localizado em /usr/lib/vco/app-server/bin/setenv.sh. Atualize os valores onde a pós-atualização é apropriada e reinicie o servidor vco para aplicar as alterações.

  • Você tem acesso a todos os bancos de dados e todos os balanceadores de carga são impactados ou participam da atualização do vRealize Automation.

  • Você torna o sistema indisponível para os usuários enquanto realiza a atualização.

  • Você desabilita todos os aplicativos que consultam o vRealize Automation.

  • Verifique se o MSDTC (Microsoft Distributed Transaction Coordinator) está ativado em todos os vRealize Automation e servidores SQL associados. Para obter mais informações, consulte o artigo 2089503 da Base de Conhecimento.

  • Conclua estas etapas se estiver atualizando um ambiente distribuído configurado com um banco de dados PostgreSQL integrado.

    1. Examine os arquivos no diretório pgdata do host mestre antes de atualizar os hosts de réplica.

    2. Navegue até a pasta de dados PostgreSQL no host mestre em /var/vmware/vpostgres/current/pgdata/.

    3. Feche todos os arquivos abertos no diretório pgdata e remova todos os arquivos com um sufixo .swp.

    4. Verifique se todos os arquivos neste diretório possuem a posse correta: postgres:users.

  • Se você usar o plug-in DynamicTypes, exporte a configuração do plug-in DynamicTypes do vRealize Orchestrator como um pacote.

    1. Faça login no Java Client como um usuário administrador.

    2. Selecione a guia Fluxos de Trabalho.

    3. Selecione Biblioteca > Tipos Dinâmicos > Configuração.

    4. Selecione o fluxo de trabalho Exportar Configuração como Pacote e execute-o.

    5. Clique em Não Definido > Inserir valor.

    6. Selecione os namespaces que você deseja exportar e clique em Adicionar para adicioná-los ao pacote.

    7. Clique em Enviar para exportar o pacote.

Além disso, verifique se as propriedades personalizadas não têm espaços nos nomes. Antes da atualização para esta versão do vRealize Automation, remova os caracteres de espaço dos nomes da sua propriedade personalizada, por exemplo, substitua o espaço por um caractere de sublinhado para permitir que a propriedade personalizada seja reconhecida na instalação do vRealize Automation atualizada. Os nomes da propriedade personalizada do vRealize Automation não podem conter espaços. Esse problema pode ter impacto sobre o uso de uma instalação do vRealize Orchestrator atualizada que usa as propriedades personalizadas que continham espaços nas versões anteriores do vRealize Automation ou do vRealize Orchestrator, ou em ambos.