O perfil de rede identifica as propriedades de rede NAT sob demanda, o perfil de rede externa subjacente, o tipo de NAT e outros valores usados para provisionar a rede utilizando o IPAM do vRealize Automation incorporado.

Se deseja criar um perfil de rede NAT que use um endpoint IPAM de terceiros, consulte Especificar as informações do perfil de rede NAT com um endpoint IPAM de terceiro.

Pré-requisitos

Procedimento

  1. Selecione Infraestrutura > Reservas > Perfis de rede.
  2. Clique em Novo e selecione NAT no menu suspenso.
  3. Insira um nome e, opcionalmente, uma descrição.
  4. Aceite o valor padrão do Endpoint IPAM para o endpoint vRealize Automation IPAM fornecido.
  5. Selecione um perfil de rede externa existente no menu suspenso Perfil de Rede Externa.
  6. Selecione um tipo de conversão de endereço de rede de um-para-um ou de um-para-muitos no menu suspenso Tipo de NAT.
    Opção Descrição
    Um para um

    Atribua um endereço IP estático externo a cada adaptador de rede. Cada máquina pode acessar a rede externa e é acessível a partir da rede externa.

    Todos os endereços IP externos que forem atribuídos a um uplink de borda do NSX devem fazer parte da mesma sub-rede. Ao utilizar o NAT um-para-um no vRealize Automation, o perfil de rede externa correspondente deve conter somente intervalos de IP que existem dentro de uma única sub-rede.

    um-para-muitos

    Um endereço IP externo é compartilhado entre todas as máquinas da rede. Uma máquina interna pode ter endereços IP estáticos ou DHCP. Cada máquina pode acessar a rede externa, mas nenhuma máquina é acessível a partir da rede externa. Selecionar essa opção ativa que a caixa de seleção Ativado no grupo DHCP.

    Para NSX for vSphere, o tipo de tradução NAT de um-para-muitos permite a definição de regras NAT ao adicionar um componente de rede NAT a um blueprint.

    O NSX for vSphere suporta as redes NAT um-para-um e NAT um-para-muitos, mas o NSX-T é compatível somente com NAT um-para-muitos.

  7. Insira uma máscara de sub-rede IP na caixa de texto Máscara de sub-rede.
    A máscara de sub-rede especifica o tamanho de todo o espaço de endereço roteável que você deseja definir para seu perfil de rede.
    Por exemplo, digite 255.255.0.0.
  8. Insira um endereço de gateway roteado, por exemplo, 10.10.110.1, na caixa de texto Gateway.

    O endereço de IP do gateway definido no perfil da rede é atribuído ao NIC durante a alocação. O gateway é necessário para os perfis de rede NAT.

    Para o NSX-T, o gateway padrão do servidor DHCP corresponde ao gateway padrão de NAT um-para-muitos. O gateway padrão do pool de IP corresponde ao gateway padrão de NAT um-para-muitos no vRealize Automation.

    Caso nenhum valor seja atribuído na caixa de texto Gateway no perfil da rede, então você deve utilizar a propriedade personalizada do VirtualMachine.Network0.Gateway ao atribuir um gateway.

  9. (Opcional) No grupo DHCP, marque a caixa de seleção Habilitado e insira os valores Início do intervalo de IP e Final do intervalo de IP.

    Você pode marcar a caixa de seleção somente se definir o tipo de NAT como um-para-muitos.

    Para o NSX-T, o primeiro IP no intervalo de pools de IPs corresponde ao endereço IP do servidor DHCP definido na configuração do <FirstIpInPool>/<subnetMaskOfNat>. O pool de IPs no NSX-T começa com o segundo endereço IP.

  10. (Opcional) Defina um tempo de concessão DHCP para estipular por quanto tempo uma máquina pode usar um endereço IP.
  11. Clique na guia DNS.
  12. Insira valores DNS e WINS conforme necessário.

    Use valores DNS para o registro e a resolução do nome. Os valores são opcionais para IPAM interno. Os valores são fornecidos pelo provedor IPAM de terceiros para o IPAM externo.

    1. (Opcional) Insira um valor de servidor de DNS Primário.
    2. (Opcional) Insira um valor de servidor de DNS Secundário.
    3. (Opcional) Insira um valor de Sufixos DNS.
    4. (Opcional) Insira um valor de Sufixos de pesquisa DNS.
    5. (Opcional) Insira um valor de servidor de WINS Preferencial.
    6. (Opcional) Insira um valor de servidor de WINS Alternativo.

O que Fazer Depois

Configurar os intervalos IP do perfil de rede NAT com o endpoint IPAM vRealize Automation.