Quando você personaliza o formulário de solicitação, você pode fornecer elementos onde o usuário pode selecionar dentre os resultados de pesquisa de uma lista ou pesquisar uma árvore para localizar um valor correspondente.

O seletor de valor e o seletor de árvore funcionam com o tipo de referência definido na guia Aparência do formulário personalizado. O tipo de referência é um recurso do vRealize Orchestrator. Por exemplo, AD:UserGroup ou VC:Datastore. Definindo o tipo de referência, quando o usuário insere uma cadeia de caracteres de pesquisa, os resultados ou opções de árvore se limitam aos recursos que têm o parâmetro correspondente.

Para o seletor de valor, você poderá, em seguida, limitar ainda mais os valores possíveis configurando uma fonte externa. Para o seletor de árvore, você pode fornecer um valor padrão configurando uma fonte externa.

Como trabalhar com o seletor de valor

O seletor de valor aparece no formulário do catálogo como uma opção de pesquisa. O usuário insere uma cadeia de caracteres, e o seletor fornece opções de acordo com como você o configurou. Você pode usar o seletor de acordo com os seguintes casos de uso. A forma mais valiosa de usar o seletor de valor é emparelhando-o com um valor de origem externa.

  • Seletor de valor com uma origem de valor constante. Use esse método quando quiser que o usuário solicitante selecione em uma lista estática predefinida de valores. Similar à caixa de combinação, à lista suspensa, à seleção múltipla e aos elementos de grupo de opções, esse método fornece os resultados da pesquisa em uma lista de acordo com as etiquetas e valores constantes definidos.
  • Seletor de valor sem origem de valor definida. Use esse método quando quiser que o usuário solicitante procure no inventário do vRealize Orchestrator um objeto específico com o tipo de referência configurado. Por exemplo, o tipo de referência é VC:Datastore, e você quer que os usuários selecionem o repositório de dados na lista recuperada.
  • Seletor de valor com uma origem de valor externa. Use esse método quando quiser que o usuário solicitante selecione dentre os resultados baseados em uma ação do vRealize Orchestrator. Para uma origem externa de seletor de valor, a ação deve retornar uma matriz de propriedades, não uma matriz de cadeia de caracteres. Por exemplo, você tem uma ação que recupera dois ou mais valores de um banco de dados integrado e quer que os usuários selecionem um valor na lista recuperada. A ação deve incluir o filtro var filter = System.getContext().getParameter("__filter"); e deve retornar uma matriz de propriedades, não uma matriz de cadeia de caracteres. Se você quiser uma matriz de cadeia de caracteres, use o tipo de campo de caixa de combinação.

Como trabalhar com o seletor de árvore

O seletor de árvore aparece no formulário do catálogo como uma opção de pesquisa. O usuário insere uma cadeia de caracteres, e aparece o seletor de árvore. A árvore permite que os usuários selecionem os valores que correspondem ao tipo de referência. Por exemplo, se o tipo de referência for VC:Datastore, o usuário solicitante poderá selecionar os objetos de repositório de dados. Se o tipo de referência for VC:VirtualMachine, o usuário poderá selecionar máquinas virtuais.

  • Seletor de árvore sem origem de valor definida. Use esse método quando quiser que o usuário solicitante procure na árvore hierárquica um objeto específico com o tipo de referência configurado. Por exemplo, o tipo de referência é VC:Datastore, e você quer que os usuários selecionem um repositório de dados na árvore recuperada.
  • Seletor de árvore com uma origem de valor externa. Use esse método quando quiser fornecer uma seleção padrão na árvore. O usuário solicitante pode selecionar um valor predefinido ou procurar um valor diferente. Por exemplo, para o tipo de referência VC:Datastore, você deseja predefinir o repositório de dados na árvore como um repositório de dados específico com base nos resultados do valor de entrada de ação que especifica uma rede.