Se o fluxo de trabalho que você desenvolver chamar outro fluxo de trabalho que resida em um servidor vRealize Orchestrator remoto, determinados pré-requisitos deverão ser atendidos para que o fluxo de trabalho remoto possa ser executado com êxito.

  • Todos os parâmetros de entrada do fluxo de trabalho remoto devem ser resolvidos no servidor vRealize Orchestrator remoto.
  • Todos os parâmetros de saída do fluxo de trabalho remoto devem ser resolvidos no servidor vRealize Orchestrator local.

Para garantir que os parâmetros do fluxo de trabalho remoto sejam resolvidos, os objetos de inventário que o fluxo de trabalho usa devem estar disponíveis nos servidores remotos e locais do vRealize Orchestrator. Caso o fluxo de trabalho remoto use objetos de um plug-in, o mesmo plug-in deverá estar disponível em ambos os servidores vRealize Orchestrator. Os inventários do plug-in remoto e do plug-in local devem ser idênticos. Caso o fluxo de trabalho remoto use objetos de biblioteca no vRealize Orchestrator, como fluxos de trabalho e ações, os mesmos fluxos de trabalho e ações deverão existir nos inventários dos servidores remotos e locais do vRealize Orchestrator.

Por exemplo, suponha que você insira o fluxo de trabalho Renomear máquina virtual em um elemento de Fluxo de trabalho aninhado no fluxo de trabalho de teste que desenvolveu. Você deseja executar o fluxo de trabalho Renomear máquina virtual em um servidor vRealize Orchestrator remoto. Quando você executa o fluxo de trabalho de teste, o fluxo de trabalho Renomear máquina virtual é chamado na execução do fluxo de trabalho de teste. Você especifica que uma máquina virtual seja renomeada a partir do inventário do servidor vRealize Orchestrator local. Como o fluxo de trabalho Renomear máquina virtual é executado no servidor vRealize Orchestrator remoto, a mesma máquina virtual deve estar disponível no inventário desse servidor. Caso contrário, o fluxo de trabalho Renomear máquina virtual não poderá resolver seu parâmetro de entrada vm. Portanto, o plug-in do vCenter Server nos servidores locais e remotos do vRealize Orchestrator devem estar conectados à mesma instância de vCenter Server.