Você pode criar o perfil de suas execuções de fluxo de trabalho para solucionar e otimizar o ambiente do vRealize Orchestrator.

Você pode usar o recurso de perfil do vRealize Orchestrator Client para obter dados de métrica úteis sobre as execuções de fluxo de trabalho. Esses dados podem ser usados para otimizar o desempenho de seus fluxos de trabalho. Por padrão, as execuções de fluxo de trabalho são importadas automaticamente. Você pode desativar a criação de perfil automática na página Propriedades da Extensão do Centro de Controle do vRealize Orchestrator e executar o gerador de perfil manualmente. Para fazer uma execução manual da criação de perfil, localize seu fluxo de trabalho na biblioteca e selecione Ações > Perfil.

Pré-requisitos

Execute um fluxo de trabalho.

Procedimento

  1. Faça login no Cliente do vRealize Orchestrator.
  2. Acesse Atividade > Execuções de Fluxo de Trabalho.
  3. Execute uma execução do fluxo de trabalho.
    No esquema de execução do fluxo de trabalho, você pode ver dados sobre os itens de fluxo de trabalho individuais. Os dados incluem a duração da execução total, a duração máxima e o número de execuções de item. Você pode filtrar essas informações no menu suspenso no canto superior direito da página.
  4. Selecione a guia Desempenho.
    Essa guia fornece dados de métricas sobre os tempos de CPU da execução do fluxo de trabalho, a duração da execução, o tamanho do token e os dados do item do fluxo de trabalho.
    Observação: Se a execução do fluxo de trabalho for suspensa, por exemplo, quando o fluxo de trabalho estiver aguardando uma entrada adicional, a métrica dos tempos da CPU capturará apenas o segmento de tempo de execução que ocorreu antes da conclusão.

O que Fazer Depois

Use os dados coletados do perfil para otimizar seu fluxo de trabalho.