Crie um script de amostra que usa o Python para chamar a API de Projeto do vRealize Automation.

Pré-requisitos

Verifique se você instalou o Python 3 e o instalador de pacotes PIP. Consulte a página Downloads do Python e o Índice de Pacote do Python.

Procedimento

  1. Na sua máquina local, abra um shell de linha de comando.
  2. Crie uma pasta vro-python-vra.
    mkdir vro-python-vra
  3. Vá para a pasta vro-python-vra.
    cd vro-python-vra
  4. Crie um script do Python chamado handler.py.
    touch handler.py
    O script handler.py deve definir uma função que aceite dois argumentos, o contexto do fluxo de trabalho do vRealize Orchestrator executado e as entradas do vRealize Orchestrator vinculadas.
    def handler(context, inputs):
        print('Hello, your inputs were ' + inputs)
        return None
    Observação: Usando bibliotecas de registro padrão, tudo o que você registra na ação que usa seu script também é mostrado no registro do fluxo de trabalho. As entradas e o retorno do seu script devem ter parâmetros de entrada e tipos de retorno correspondentes configurados no Cliente do vRealize Orchestrator. Por exemplo, a entrada de vRAUrl, no seu script, deve ter um parâmetro de entrada correspondente chamado vRAUrl no Cliente do vRealize Orchestrator. Da mesma forma, se o script retornar um valor de cadeia de caracteres, o tipo de retorno configurado no Cliente do vRealize Orchestrator também deverá ser um tipo de cadeia de caracteres. Se a sua ação retornar um objeto complexo, você poderá usar o tipo de retorno Properties ou Composite Type.
  5. Instale o módulo de solicitações do Python.
    Importante: Os módulos de dependência de terceiros devem ser instalados em uma pasta de nível da raiz na sua pasta de script principal vro-python-vra. Para esse caso de uso, crie uma pasta lib para o seu módulo de solicitações.
    1. Crie uma pasta lib.
      mkdir lib
    2. Instale o módulo de solicitações.
      pip3 install requests -t lib/
  6. Adicione o módulo de solicitações ao script handler.py.
    import requests
     
    def handler(context, inputs):
        print('Hello, your inputs were ' + inputs)
        return None
  7. Crie uma solicitação GET para a API de Projeto do vRealize Automation.
    token = ''
    vRAUrl = ''
    r = requests.get(vRAUrl + '/iaas/api/projects', headers={'Authorization': 'Bearer ' + token})
     
     
    print('Got response ' + r.text)
  8. Defina os valores token e vRAUrl .
    1. Recupere o token de acesso usando a API do Serviço de Identidade do vRealize Automation. Consulte Obter o Token de Acesso para a API do vRealize Automation
    2. Para o valor vRAUrl, defina o script para que ele use um parâmetro de entrada do vRealize Orchestrator com o mesmo nome.
      vRAUrl = inputs["vRAUrl"]
    3. Adicione os novos valores ao arquivo handler.py.
      import requests
       
      def handler(context, inputs):
          token = 'ACCESS_TOKEN'
          vRAUrl = inputs["vRAUrl"]
       
          r = requests.get(vRAUrl + '/iaas/api/projects', headers={'Authorization': 'Bearer ' + token})
       
          print('Got response ' + r.text)
       
          return r.json()
      Observação: Como a resposta da API de Projeto do vRealize Automation é retornada em um formato JSON, use um tipo de retorno Properties ou Composite Type para a ação do vRealize Orchestrator.
  9. Crie um pacote ZIP que contenha o arquivo handler.py e a pasta lib do seu módulo de solicitação.
    zip -r --exclude=*.zip -X vro-python-vra.zip .

O que Fazer Depois

Importe o script do PowerShell para uma ação do vRealize Orchestrator. Consulte o Criar ações no Cliente do vRealize Orchestrator.