Para estabelecer comunicações contínuas entre seus componentes de intermediação e os componentes do sistema em pods participantes do Horizon no local ou no VMware Cloud on AWS, o Universal Broker tem requisitos específicos de porta e de protocolo. Esses requisitos estão descritos na tabela a seguir.

O cliente Universal Broker no Horizon Cloud Connector estabelece uma conexão de WebSocket persistente com o serviço do Universal Broker por meio da porta 443. O cliente do Universal Broker recebe solicitações de conexão do serviço por meio de uma porta selecionada aleatoriamente.

Em seguida, o cliente do Universal Broker encaminha a solicitação por meio de uma porta diferente selecionada aleatoriamente para o plug-in do Universal Broker no Servidor de Conexão. O plug-in do Universal Broker escuta essas solicitações de entrada por meio da porta que foi especificada durante a instalação do plug-in.

Para obter mais informações sobre a arquitetura do sistema e o fluxo de tráfego do Universal Broker, consulte Arquitetura do sistema e componentes do Universal Broker.

Origem Porta de origem Destino Porta de destino Protocolo Finalidade
Cliente do Universal Broker no Horizon Cloud Connector Selecionado aleatoriamente de portas disponíveis Serviço Universal Broker 443 HTTPS inicialmente e, em seguida, WebSocket para conexão contínua Usado para estabelecer uma conexão persistente do WebSocket com o serviço Universal Broker
Cliente do Universal Broker no Horizon Cloud Connector Selecionado aleatoriamente de portas disponíveis Plug-in do Universal Broker no Servidor de Conexão Conforme especificado durante a instalação do plug-in do Universal Broker. Se nenhuma porta for especificada, a porta 33443 será usada por padrão. HTTPS Usado pelo plug-in do Universal Broker para escutar solicitações de conexão de entrada encaminhadas pelo cliente do Universal Broker do serviço Universal Broker