A conexão de seu pod existente do Horizon com o Horizon Cloud Service é um processo de várias etapas. Após comprar uma licença de assinatura do VMware Horizon, a VMware enviará a você um e-mail de assinatura de licença, que inclui o link para baixar o dispositivo virtual do Horizon Cloud Connector. Em seguida, instale o dispositivo virtual e ligue-o. Quando o dispositivo virtual estiver ligado e você verificar a integridade dos componentes e serviços necessários do pod, use o fluxo de trabalho de integração do conector para emparelhá-lo com um Servidor de Conexão no pod com o qual você deseja usar essa licença de assinatura. Como parte de um processo de emparelhamento bem-sucedido, o dispositivo virtual do Horizon Cloud Connector liga o Servidor de Conexão ao Horizon Cloud Service, para que o plano de gerenciamento de nuvem possa gerenciar a licença de assinatura do Horizon e outros serviços hospedados na nuvem para esse pod conectado na nuvem.


Diagrama que mostra como um pod do Horizon se conecta ao Horizon Cloud usando o Horizon Cloud Connector.
Dica: Para obter uma introdução ao processo de integração geral do Horizon Cloud, consulte Integração ao Horizon Cloud para Microsoft Azure, Horizon no local e Horizon on VMware Cloud on AWS.

Use as etapas aqui para conectar pods do Horizon existentes, instalados no local ou no VMware Cloud™ on AWS ao plano de gerenciamento de nuvem. Conectar um pod ao Horizon Cloud Service permite que você use licenças de assinatura do Horizon com esse pod, mesmo se você não utilizar nenhum serviço hospedado na nuvem com esse pod. Com uma licença de assinatura do Horizon, você não precisa inserir manualmente uma chave de licença para ativar a licença para o pod. Após a conclusão do emparelhamento, a VMware ativará a licença de assinatura, normalmente dentro de 48 horas depois de emparelhar o pod com a camada de controle de nuvem. Quando a VMware ativar a licença de assinatura, aparecerá uma mensagem no console de gerenciamento baseado na Web do pod que diz que o ambiente do Horizon está usando a licença de assinatura.


Mensagem que aparece para confirmar se o pod está usando uma licença de assinatura.

Conforme descrito na introdução ao processo de integração do Horizon Cloud, o processo para integrar um pod do Horizon ao Horizon Cloud envolve estes conceitos básicos:

  • As licenças de assinatura do Horizon são gerenciadas a partir do plano de gerenciamento de nuvem, que é Horizon Cloud.
  • Portanto, se você quiser usar licenças de assinatura com um pod do Horizon, deverá conectar o pod com esse plano de gerenciamento de nuvem. Se você quiser evitar a conexão desse pod com o plano de gerenciamento de nuvem, não poderá usar as licenças de assinatura com esse pod.
  • Conectar esse pod existente do Horizon com o plano de gerenciamento de nuvem requer um conector, denominado Horizon Cloud Connector. O plano de gerenciamento de nuvem conversa com o conector, que, por sua vez, conversa com uma das instâncias do Servidor de Conexão do pod. O conector é emparelhado com apenas uma das instâncias do Servidor de Conexão instaladas do pod a qualquer momento.
  • Como o Horizon Cloud Connector precisa alcançar tanto o plano de gerenciamento de nuvem quanto a instância do Servidor de Conexão do pod com a qual você o está emparelhando, requisitos específicos de DNS, portas e protocolos devem ser atendidos para ter um bem-sucedido resultado de emparelhamento do Horizon Cloud Connector com o pod e para a continuidade das operações. Até mesmo o caso de uso mínimo de usar uma licença de assinatura com o pod exige que se atenda a esses requisitos de DNS, portas e protocolos.
  • Uma conta My VMware é necessária para obter uma licença de assinatura do Horizon e para se autenticar no plano de gerenciamento de nuvem a fim de configurar o conector e estabelecer a conexão para usar essa licença de assinatura com o pod.
  • Você pode querer usar somente as licenças de assinatura com o pod do Horizon ou pode querer também usar serviços hospedados na nuvem com esse pod. Ambos os casos de uso exigem uma licença de assinatura.
  • Para obter os recursos e as correções de segurança e de erro mais recentes, o melhor é usar a combinação da execução da versão mais atual do software Servidor de Conexão com a versão mais atual do Horizon Cloud Connector. Embora a versão 7.6 seja a primeira versão do Horizon que forneceu a capacidade de usar uma licença de assinatura do Horizon gerenciada do plano de gerenciamento de nuvem usando o Horizon Cloud Connector, essa versão já tem mais de um ano, e nenhum dos serviços de gerenciamento de nuvem atuais além do uso simples da licença de assinatura está disponível para essa versão 7.6. Para as combinações recomendadas de versões do software Horizon e versões do Horizon Cloud Connector, consulte o artigo da Base de Dados da VMware 77584.

As etapas de alto nível desse processo são:

  1. Obtenha sua conta My VMware.
  2. Use essa conta para se inscrever em uma licença de assinatura do Horizon.
  3. Quando você se inscreve na licença, um e-mail de boas-vindas é enviado para o endereço associado a essa conta My VMware. Esse e-mail de boas-vindas conterá um link para baixar o Horizon Cloud Connector OVA da área de downloads my.vmware.com adequada.
  4. Baixe o Horizon Cloud Connector OVA usando o link no e-mail de boas-vindas.
  5. Implante esse OVA no ambiente vSphere do pod usando um endereço IP estático. Quando o processo de implantação do dispositivo virtual estiver concluído, ligue-o.
  6. Quando ligado, a tela azul do console do dispositivo exibirá um endereço de URL a ser usado para iniciar o fluxo de trabalho de emparelhamento para emparelhar o Horizon Cloud Connector com uma instância do Servidor de Conexão no pod e concluir a conexão entre a instância do Servidor de Conexão, o Horizon Cloud Connector e o plano de gerenciamento de nuvem.
  7. (Horizon Cloud Connector 1.6 ou versões posteriores) Antes de iniciar o fluxo de trabalho de emparelhamento, execute o script precheck.sh para verificar a integridade dos componentes e serviços do sistema do pod.
  8. Use o endereço da URL exibido na tela azul do console do dispositivo em um navegador para iniciar o fluxo de trabalho de emparelhamento. A tela de logon do Horizon Cloud será exibida, e você fará logon usando as credenciais da conta My VMware. Nesse ponto, a interface de usuário do fluxo de trabalho aparece no navegador, e você conclui as etapas conforme detalhado no tópico abaixo.
Importante: Se você já tiver pods conectados à nuvem no seu ambiente do Horizon Cloud ao qual está conectando este pod, todos esses pods conectados à nuvem deverão ter uma linha de visão para o mesmo conjunto de domínios do Active Directory. Ao executar as etapas para conectar o pod que ainda não está conectado, você deve garantir que o pod terá uma linha de visão para os domínios do Active Directory que já estão registrados no seu ambiente do Horizon Cloud.

Por exemplo, se o seu ambiente já tiver pods no Microsoft Azure e você estiver conectando um pod do Horizon, verifique se:

  • O pod do Horizon que você está conectando usando as etapas a seguir tem uma linha de visão para os domínios do Active Directory usados pelos pods existentes no Microsoft Azure, pois esses domínios já estão registrados no plano de nuvem do seu ambiente.
  • Seus pods existentes conectados à nuvem no Microsoft Azure têm uma linha de visão para o domínio do Active Directory do pod do Horizon, o domínio que você está usando nas etapas a seguir para parear o dispositivo virtual do Horizon Cloud Connector com o servidor de conexão do pod do Horizon.

Pré-requisitos

Verifique se você cumpriu todos os itens descritos em Preparando-se para executar o assistente de integração para emparelhar um pod do Horizon com o Horizon Cloud usando o Horizon Cloud Connector.

Verifique se você atendeu aos requisitos de DNS, portas e protocolos ao usar o Horizon Cloud Connector para emparelhar um pod do Horizon ao Horizon Cloud.

Verifique se a sua configuração de DNS na topologia de rede fornecerá para o Horizon Cloud Connector implantado para resolver o FQDN do Servidor de Conexão do pod. Se o Horizon Cloud Connector implantado não puder resolver o Servidor de Conexão usando o DNS, o assistente de integração encontrará um erro inesperado na etapa em que você inserir as credenciais do domínio do pod.

Confira Considerações conhecidas do Horizon Cloud Connector para garantir que você esteja ciente desses itens.

O dispositivo virtual do Horizon Cloud Connector deve acessar a Internet para conversar com a camada de controle do Horizon Cloud. Se o ambiente exigir o uso de um servidor proxy e uma configuração de proxy para os dispositivos virtuais acessarem a Internet, verifique se você analisou as informações relacionadas ao proxy, as limitações e os problemas conhecidos ao usar as configurações de proxy com o dispositivo do Horizon Cloud Connector. Consulte as informações relacionadas ao proxy em Preparando-se para executar o assistente de integração para emparelhar um pod do Horizon com o Horizon Cloud usando o Horizon Cloud Connector, Considerações conhecidas do Horizon Cloud Connector e Como modificar as configurações de proxy para o Horizon Cloud Connector 1.5 ou anterior.

Importante: Se você planeja usar o pod com o Universal Broker e o Horizon Cloud Connector 1.5, e o ambiente exigir o uso de configurações de proxy, deverá definir essas configurações de proxy ao implantar o modelo OVF. Devido a uma limitação conhecida do Horizon Cloud Connector 1.5, o Universal Broker aceitará somente as configurações de proxy especificadas na implantação do modelo OVF. Como resultado, devido a outro problema conhecido no Horizon Cloud Connector 1.5, onde qualquer configuração de host sem proxy especificada na implantação do modelo OVF não é respeitada pelo dispositivo e deve ser configurada após a implantação, essa limitação conhecida que a combinação de Universal Broker com Horizon Cloud Connector 1.5 requer ao definir as configurações de proxy durante a implantação do modelo OVF significa que não há suporte atualmente para o uso de hosts sem proxy com o Universal Broker.

Resultados

Quando o pod do Horizon é conectado com êxito ao Horizon Cloud, o portal de configuração do Horizon Cloud Connector exibe uma mensagem de Parabéns. A partir desse ponto, você usa esse mesmo portal de configuração para realizar tarefas administrativas, como revisar o status de integridade dos componentes do Horizon Cloud Connector, ativar ou desativar o acesso do SSH ao dispositivo virtual do Horizon Cloud Connector e tarefas semelhantes. Para obter detalhes, consulte o tópico Tarefas de administração e manutenção típicas que você executa no Horizon Cloud Connector depois que o pod do Horizon é emparelhado com o Horizon Cloud.

O que Fazer Depois

Se o seu único objetivo é usar sua licença de assinatura com o pod conectado à nuvem agora, não há etapas adicionais a serem tomadas, exceto para garantir que seja possível continuar atendendo aos requisitos de DNS, portas e protocolos para manter a conexão entre o Horizon Cloud Connector e a camada de controle da nuvem. Como as licenças de assinatura são gerenciadas pela camada de controle de nuvem, o Horizon Cloud Connector deve continuar a acessar o plano de controle de nuvem para que o pod receba suas informações de licença de assinatura.

Importante: Quando o Horizon Cloud Connector estiver instalado, a conexão é estabelecida com a camada de controle da nuvem pela porta 443 de Internet de saída. Essa conexão fica aberta o tempo todo. Se essa conexão entre o Cloud Connector e a camada de controle da nuvem cair, haverá um período de cortesia de 10 dias por padrão, que podem passar antes que o emparelhamento entre esse pod e o Horizon Cloud seja marcado como expirado. Se isso acontecer, entre em contato com o suporte da VMware para obter assistência.

Se você quiser aproveitar qualquer um dos serviços hospedados na nuvem com o pod conectado à nuvem, deverá fazer login no console administrativo e concluir o fluxo de trabalho de registro do Active Directory que registra o domínio do Active Directory do pod no Horizon Cloud. Para obter detalhes sobre esse fluxo de trabalho, consulte Como realizar seu primeiro registro de domínio do Active Directory no ambiente do Horizon Cloud no Guia de Administração do Horizon Cloud.