No ambiente do Horizon Cloud, você deve definir atribuições da área de trabalho para poder fornecer áreas de trabalho remotas ou VDI aos usuários finais. Cada atribuição de área de trabalho associa uma imagem publicada a um conjunto de usuários autorizados. Use o Console administrativo do Horizon Cloud para criar essas atribuições da área de trabalho.

Um pod do Horizon Cloud em um ambiente do Microsoft Azure permite os seguintes tipos de atribuições de área de trabalho:

Atribuição de área de trabalho de sessão
Em uma atribuição de área de trabalho de sessão, uma experiência de área de trabalho de serviços de área de trabalho remota (RDS) é compartilhada por vários usuários. Essas áreas de trabalho são conexões baseadas em sessão para as VMs compatíveis com RDSH em execução nos farms RDSH de um pod. Antes de criar uma atribuição de área de trabalho de sessão RDSH, você deve ter pelo menos um farm de áreas de trabalho criado com base na imagem publicada. Consulte Criar um farm.
Atribuição de área de trabalho VDI dedicada
Em uma atribuição de área de trabalho VDI dedicada, cada área de trabalho virtual é mapeada para um usuário específico. Cada usuário mapeado retorna à mesma área de trabalho a cada login. Quando uma área de trabalho VDI dedicada em particular é mapeada para um usuário específico, essa área de trabalho considerada como atribuída a esse usuário. Uma área de trabalho VDI dedicada específica é mapeada para um usuário específico em uma das seguintes formas:
  • Um administrador atribui de forma explícita essa área de trabalho específica para esse usuário específico, usando a ação Atribuir.
  • O usuário tem o direito à atribuição (na guia Usuários) e cria uma inicialização inicial de uma área de trabalho a partir da atribuição. Nesse ponto, esse usuário reivindicou essa área de trabalho VDI dedicada de todas as áreas de trabalho VDI dedicadas definidas por essa atribuição. Quando o usuário reivindica uma área de trabalho VDI dedicada dessa forma, o sistema mapeia a área de trabalho específica para esse usuário específico e a área de trabalho VDI dedicada obtém o status Atribuído. Essa área de trabalho VDI dedicada em particular permanece no status Atribuído até que qualquer administrador cancele de forma explícita a área de trabalho (usando a ação Cancelar Atribuição) ou essa conta do Active Directory do usuário é removida do conjunto de usuários autorizados da atribuição.

Atribuições dedicadas requerem um relacionamento direto entre área de trabalho e usuário e devem ser dimensionadas com base na população total de usuários. Por exemplo, você precisa de uma atribuição de cem áreas de trabalho para um grupo de cem usuários. O uso primário de tais atribuições de área de trabalho dedicada serve para garantir que o nome do host da máquina virtual da área de trabalho de cada usuário permaneça o mesmo entre as sessões. Determinados pacotes de software podem exigir licença para essa utilização.

Atribuição de área de trabalho VDI flutuante
Em uma atribuição de área de trabalho VDI flutuante, um usuário recebe uma máquina virtual diferente com um nome de máquina diferente a cada login. Com atribuições de área de trabalho flutuante, você pode criar áreas de trabalho que alternam usuários e podem ser dimensionadas com base no número máximo de usuários simultâneos. Por exemplo, trezentos usuários podem usar uma atribuição de cem áreas de trabalho, se eles trabalharem em turnos de cem usuários por vez. Com as atribuições de área de trabalho, o usuário pode ver nomes de host diferentes para cada sessão da área de trabalho.

Ao decidir entre as atribuições de área de trabalho VDI dedicada e flutuante, as atribuições de área de trabalho VDI flutuante são uma prática recomendada, pois elas oferecem recursos de gerenciamento de pools mais flexíveis que as atribuições de área de trabalho VDI dedicada e evitam a dedicação de recursos de máquina virtual para cada usuário. Como resultado, as atribuições de área de trabalho VDI flutuante normalmente custam menos do que as atribuições de área de trabalho VDI dedicada.

Para criar uma atribuição de área de trabalho, você deve ter pelo menos uma VM de imagem no estado Publicado que o sistema usará como o sistema operacional configurado subjacente para as áreas de trabalho dos usuários finais.

Observação: As áreas de trabalho baseadas em sessão nem as áreas de trabalho VDI flutuantes fornecem persistência de dados do usuário, configurações ou perfis. Quando um usuário fizer logout de uma área de trabalho VDI flutuante, essa área de trabalho VDI flutuante será redefinida para o mesmo estado em que se encontrava antes do usuário fazer login. Você pode fornecer a persistência de dados do usuário, configurações e perfis configurando o VMware Dynamic Environment Manager e configurando-o para o seu ambiente. As imagens criadas usando o assistente automatizado para Importar Área de Trabalho têm o agente do VMware Dynamic Environment Manager instalado por padrão. Para obter mais informações sobre a configuração de persistência desses itens, consulte esses recursos:

Sobre a criação dessas atribuições de área de trabalho

Os fluxos de trabalho de criação de atribuição de área de trabalho são diferentes, dependendo de qual tipo de intermediário está configurado para o seu ambiente de tenant. Para ver qual tipo de intermediário está configurado no ambiente, navegue até Configurações > Intermediário no console.

Quando o ambiente do tenant está configurado para o Universal Broker
Siga os fluxos de trabalho descritos em Pods no Microsoft Azure - Criar uma atribuição de várias nuvens VDI
Quando o ambiente do tenant está configurado para o intermediário de pod único
Siga os fluxos de trabalho descritos em Criar uma atribuição de área de trabalho VDI flutuante provisionada por um único pod no Microsoft Azure e Criar uma atribuição de área de trabalho VDI dedicada provisionada por um único pod no Microsoft Azure.